quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

A verdadeira justiça segundo o Guardianismo


Essa talvez seja uma das principais reflexões q eu já tive sobre justiça. Vem d uma lógica bem simples. Quando um ladrão rouba uma jóia. A melhor forma d fazer justiça, é lhe impedir d roubar d novo. Mas lhe cortar as mãos não é justo. Pois além d impedilo de roubar, o impedirá também d usar as mãos pra trabalhar honestamente e viver na sociedade. O certo é impedi-lo apenas d cometer o ato de roubar.

Ae q vem. Como impedir alguém d voltar a roubar? Ou melhor dizendo d voltar a cometer um crime? E pra mim quando uma pessoa comete um crime é quando ela exerce sua liberdade e livre-arbítrio impedindo q o próximo exerça a liberdade e o livre arbítrio. Pois isso é um ato d desamor ao próximo. Repudiavel a meus olhos e aos olhos do Grande Espírito Universal.

Se você rouba, mente, estupra, extorqui, mata por prazer e faz tantas outras coisas repreensíveis. Você merece uma punição severa. Dependendo do crime. Se ele não tem concerto. Você merece a morte ou algo pior q ela!

Mas como a maioria dos crimes tem concerto... Já sigo logo o exemplo essênio. Se você quer ser perdoado pelo mal q fez. Você tem q fazer um bem proporcional ao mal q fez a seu próximo. Eu creio q se a justiça desse mais oportunidade e uma punição em q forçasse os criminosos a fazerem um bem proporcional ao mal q fizeram as suas vitimas. Ele nem precisaria ficar preso. Se ele fez um mal a sociedade. Agora ele deve trabalhar pra fazer um bem proporcional ao mal q fez a sociedade.

Seja ele estando preso ou estando em liberdade condicional. Mas voltando ao fato d impedir a pessoa apenas d cometer o ato roubar ou d fazer o mal. Há várias formas q d se fazer isso. Ou você a faz reconhecer q estava errada e q não deve cometer tal crime. Ou você apela pra decisões mais drásticas.

Nem q seja inventando algo mirabolante pra tal criminoso nunca cometer um crime. Algo q poderia ser um bio-chip pra impedir ele d ser mais violente. Ou uma cirurgia na parte do cérebro q o impeça d cometer crimes. Ou algo do tipo do filme Laranja Mecânica. Ou q seja algo mais humano. Impedi-lo pro resto da vida d viver entre a sociedade. No caso a prisão perpétua.

Mas melhor é investir na primeira opção. Fazer o criminoso moldar a si mesmo e enxergar seu erro e não cometer mais crimes, seguindo o caminho bom e correto. Por isso q a meu ver as prisões deviam ser como verdadeiros monastérios e escolas budistas. Onde os ciminosos seriam diciplinados a voltarem a ser humanos d novo.

Maktub e Maranata pra todos...

5 comentários:

  1. "O melhor remédio é a prevenção". Isso também vale para o crime. Uma boa educação faz uma pessoa pensar duas vezes antes de perturbar a vida de outra pessoa. Mas infelizmente no Brasil não é interessante ao governo ter um povo inteligente, pois seria mais difícil de manipulá-lo. Se todos soubessem disso as coisas seriam muito mais fáceis do que procurar para sempre pela panacéia...

    Um juiz americano chamado Mike Ciccotetti tem punições criativas. Uma mulher que abandonou gatinhos numa floresta esperava uma prisão ou fiança, mas o sua punição foi passar uma noite na mesma floresta que abandonou os gatinhos. No final o lugar era tão frio e escuro que ela só conseguiu ficar 3 horas! Outro caso foi o de um jovem que incomodava a vizinhança com alto falantes muito altos. Ele foi eentenciado a ouvir múscia clássica por 5 horas seguidas.

    ResponderExcluir
  2. Você é incrível, Milton. Sabias palavras e belas reflexões. Continue assim.

    Vinicius Canova - Porto Velho/RO

    ResponderExcluir
  3. Muito bem pensando, principalmente a parte de mandar o criminoso fazer um bem a pessoa q ele prejudicou, isso balanciaria muito bem a questão da violencia.

    ResponderExcluir
  4. uma teoria perfeita fazer o bem para akele q fez o mal para a balança ficar sempre em equilibrio

    ResponderExcluir
  5. Nesse negócio de olho por olho todo mundo acaba ficando cego no final.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO! LEIA ISTO: Resolvi tirar a moderação dos comentários. Agora até você troll pode vir aqui me infernizar. Mas tudo tem seu preço! Quando você vir encher d lixo meu blog, no fim do mês vou limpar este lixo daqui e quando fizer isto. Vou estar limpando você q é um lixo no mundo. Vai doer muito em ti! Quer apostar q esta praga vai pegar? Quando sua vida depois virar do avesso, não diga q não avisei... Maktub!((Aquele q quiser se manifestar contra o q penso sinta-se a vontade, mas faça isso sem trollar, pois essa praga só inclui os trolls imbecis.) Agora você deve estar se perguntando porque estou fazendo isto? Só pra treinar minha ação com quietude mesmo.

Pesquisar este blog

Milton: O Jesus d Preto

Milton: O Jesus d Preto
Isso é porque muita gente me chama d Jesus, mas sou só o Milton mesmo porque Jesus é todo mundo.

Deseja fazer um Pacto com OGGU?

O q você acredita q vem depois da morte?

Você a favor da legalização das drogas?

Qual sistema d governo você acha ideal pra o mundo?

Todo poder Executivo e Legislativo devia viver num regime comunista ou socialista?

Daily Calendar

Capa do meu livro

Capa do meu livro
Essa foto é do meu amigo Alberto q fez esse blog pra mim e me ensinou a mexer nele.

Your IP and Google Map location