terça-feira, 19 de agosto de 2008

Voltando a realidade Cap.13-Part.2


Part.2

Rávew então entra no carro com sua família e vai para sua casa, mas não sabia que ele estava sendo observado por dois anjos invisíveis, um deles comenta com o outro:
- O que será desse jovem agora com esse livro e depois desse sonho fantasioso?
- O sonho q ele teve era só ele com a consciência em outro universo paralelo. É um futuro alternativo q pode vir a acontecer caso ele fazer escolhas q levem a isso. Embora que nem tudo que ele sonhou e escreveu vá acontecer, pois creio q ele saberá fazer a escolha q mude seu destino. O seu sonho e seu livro lhe dão muitas pistas d seu futuro. Um futuro q pode acontecer, dependendo das escolhas que fizer, essas escolhas levam à várias possibilidades, mas só uma irá acontecer. É assim que funciona o destino. O multiverso também está nele. No pós pós morte. Q é quando sua energia é absorvida pela Terra, também leva a sua consciência a despertar em um desses universos paralelos q você já existe, universos com futuros alternativos, o universos completamente alternativos, em q você pode vir a viver infinitas possibilidades em cada um deles. Seria como se você fosse um ator d filmes e novelas, Cada filme e novela q você interpreta um personagem diferente, pode ser considerado um universo paralelo q você existe. Universos paralelos alternativos q você nasce em outros locais, em diversas épocas com tecnolgias avançadas ou primitivas. Sua consciência pode vir a despertar em qualquer fase da vida sua nesses universos paralelos. Na fase adulta, na velhice, quando você é criança ou adolescente ou bebê ou até mesmo quando está saindo da barriga d sua mãe, q é o q acontece na maioria das vezes.

Com aparências diversas, tanto do sexo feminino ou masculino ou os dois. Com orientação sexual hétero, homo ou bissexual. São infinitas possibilidades pra o multiverso e todas se concretizam. Quando você desperta, terá poucas lembranças ou nenhuma do q aconteceu, tudo não passará d sonhos desconexos, tudo porque você ainda não teve a consciência disso. Sua consciência está toda interligada numa consciência multiversal ou multiuniversal. Sua consciência pode despertar em universos infernais, paradisíacos ou numa combinação dos dois, na maioria das vezes isso é aleatório. Assim como tudo no Universo está em constante transformação, nossa consciência também nunca se perde, mas se transforma. E cada vez q você morre em um desses universos paralelos ou outros planos d existência, como prefiro dizer. Acontece aquele mesmo esquema do renascimento, sua energia vai pra GAIA no pós pós morte, depois logo em seguida ela é expelida pra renascer d novo, dando a tão conhecida reencarnação. Mas sua consciência mesmo, sempre vai estar despertando em outros planos d existência, ou universos paralelos. Ae q está a eternidade. Ae q está a verdadeira vida eterna, ter a consciência, d q a morte é uma ilusão e q a vida é sempre eterna e sempre continua, basta estar consciente disso. Estar consciente disso, é pra poucos Guardião. Ainda vai aprender muito a respeito disso Guardião, isso num é nem a um décimo do q você vai aprender. (Pra entender melhor essa minha viajem. Veja filmes como Efeito Borboleta, Alta Tensão, Click, O Confronto, De repente aos 30, Crônicas d Narnia, Premonição, Advogado do Diabo, Matrix e outros do gênero. É na base dessa viajem q estou escrevendo próximo livro.) O salvador desses homens o libertará dessas ilusões q eles mesmos se aprisionam.
- As pessoas esperam por um salvador que um dia irá voltar.
- Mesmo que o salvador venha, a verdade é que cada um é seu próprio salvador. Esse jovem é uma alma que tem grande potencial pra mostrar a porta pra humanidade, mas dependerá da escolha de cada um entrar por ela.
- E se ele optar por outra escolha? Pois uma escolha leva a muitas possibilidades, mas só uma que vem à acontecer.

- Haverá outros que poderão fazer desde o início de suas vidas as escolhas que poderão os tornar iluminados, pois todos tem essa possibilidade, mas a grande massa não opta paras escolhas que os levam a isso. Qualquer ser humano tem potencial pra ser um iluminado para mostrar a porta e ser considerado o salvador do mundo. O problema que a grande parte da humanidade, espera por um que virá pra lhes salvar e concertar o mundo, por isso nunca foram salvos. Acham impossível alcançar a perfeição e mudar o mundo em que vivem, nem mesmo se unem pra isso. Este jovem é uma das esperanças nossas e um dos raros espíritos com grande potencial para essa possibilidade. Por enquanto, se ele fizer as escolhas certas, contribuirá para evolução da humanidade.
- Ele é um espírito que tem mais chances de ser o Guardião da luz de novo, pois já foi um em algumas de suas vidas passadas. Dependendo do que ele escolher, irá revelar muito ao homens. O livro que ele escreveu pode mudar muitas mentes. Uma das possibilidades é a dele ser um escritor best-seller que poderá mostrar o caminho a esses iludidos.
- Ele também pode vir a ser além disso se quiser um grande líder que unirá a humanidade, trazendo paz e harmonia, mesmo que ele não seja um escritor.
- O seu espírito deseja isso desde que se reencarnou aqui como Yeshua.
- Muitos espíritos evoluídos tem esse desejo, mas nenhum até agora conseguiu, acabam desistindo e passam a ficar fracos com passar das reencarnações.
- Este espírito enfraqueceu muito, mas depois voltou a evoluir de novo, acontece com todos seres vivos.
- Agora vamos esperar por qual opção ele irá escolher. Ele viu as possibilidades em seu livro em seu sonho. Vamos ver se ele torna seus sonhos realidade ou se continuará ainda sonhando.
- Terá muitos conflitos para enfrentar, inclusive os dentro de si mesmos. Se ele conseguir acabar com sua dúvida e descobrir quem já foi poderá cumprir sua missão.
- Se ele escolher assim é claro.
- Tenho esperanças que ele fará essa escolha.
- Tem grandes possibilidades para isso. Tomara que sim...
- Vai chegar o dia q ele vai perceber q é um Guardião Universal. Vai perceber q é o Guardião d seu próprio Universo.

- Vai perceber q é o Guardião do mundo, do seu próprio Mundo.
- A Terra clama pela volta d seu Guardião d novo.
- E essa chegada está bem próxima.
Os anjos então acompanham Rávew, eles então o acompanham. Eles vêem então Rávew, Rafael e Marcos juntos. Rávew cortou seus cabelos agora e tem d tomar uma decisão. Ele está com o caderno q escreveu o resto da história d Espíritos Indomáveis, o disquete está lá dentro. Tem então um latão com pegando fogo dentro perto dele. Marcos então pergunta:
- Tem certeza q quer fazer isso mesmo?
- Não quero q meus sonho sejam só um simples livro.
Rafael fala então:
- Seu livro é seu maior sonho e é nele q estão seus sonhos também.
- Se eu tiver d realizar meus sonhos, vai ser verdade, prefiro q a história dele seja contada em outro Universo Paralelo.
Rávew então joga o livro com disquete dentro do latão pegando fogo. Rávew e seus amigos então vão embora. Um dos Guardiões então diz:
- Hora d fazermos nosso trabalho.
- É.

Não se passa nem 1 minuto q Rávew e seus amigos foram embora e os dois anjos fazem chover forte justo no lugar q estava sendo queimado o livro d Rávew. Como o caderno era resistente e d capa dura, as escrituras e o disquete foram preservados. E agora, é questão d tempo pra o livro cair nas mãos d alguém q irá guardá-lo. E será questão d tempo pra q um dia o livro q Rávew escreveu volte pra suas mãos d novo. Esse dia será quando ele finalmente realizar seus sonhos escritos no seu livro. Até lá, ele vai estar bem seguro das forças do mal. Você q está lendo esse livro, pode ter certeza disso, porque nesse livro q é o meu mundo eu sou Deus e quero q tudo de certo pra Rávew q é meu “co-autor” nessa história toda. Fim da história até que em fim. Finalmente. Você terminou de ler...


Leia isto antes d terminar

Guerra Eterna

Anjos e demônios estão a guerrear! Nessa guerra destrutiva.
Muitas vezes você não sabe d qual lado vai ficar.

Essa guerra é eterna e parece não ter fim!
Essa guerra é eterna e não tem hora pra acabar!
Essa guerra é interna e está dentro d você.
Essa guerra é interna, nem você vai escapa!

Essa guerra é interna e está dentro d todos nós!
Essa guerra te desespera e você não escapará.
Essa guerra ninguém vence.

Por mais q você tente.
Nenhum dos lados vai ganhar!
Ela só vai acabar quando você se equilibrar!
Quando você se dominar!



FIM

Voltando a realidade Cap.13-Part.1


Part.1

A música finalmente acaba, Rávew então começa a perceber que isso tudo não passa de um sonho, uma realidade alternativa, ele está quase acordando. Quando tudo em sua volta fica em branco, só está ele olhando para uma imensidão de nada, onde tudo é branco. De repente surge uma luz de longe, essa luz se aproxima de Rávew, que fica espantado. Essa luz é um anjo com suas asas enormes e corpo feminino de beleza sobrenatural, com cabelos loiros e cacheados que passam da bunda e chega até a panturrilha. O anjo (Ou anja se você preferir.) que chega perto de Rávew, tem a sua mesma altura. Bota a mão no queixo de Rávew, tira e depois diz:
- Rávew, você tem que acordar e colocar rumo no seu destino, isso que você está passando agora não passa de ilusão.
- Mas eu queria continuar nela, pois eu me sinto bem feliz assim! – diz Rávew chorando.
- Meu pobre protegido iludido. Não seja igual tantos nesse mundo que nunca procuram realizar seus sonhos e só preferem viver numa ilusão criada por eles mesmos a partir de sonhos. Você é uma célula que compõe Deus, nada para você é impossível também, é só ter fé em Deus e em si mesmo e conseguirá tudo que quer.
Uma lágrima então desce o rosto de Rávew, os lábios do anjo então encostam nos seus.

Quando isso acontece, Rávew só vê luz. Quando ele acorda e abre os olhos, ele está na sua cama de quarto, ele se levanta dela com um sorriso em seu rosto. Logo ele levanta e então resolve escrever tudo q sonhou no caderno q ganhou d presente da mãe pra escrever e passar o tempo na clínica. Fica apenas 4 meses no centro de recuperação. Os médicos se surpreendem com sua recuperação tão rápida, não vendo mais necessidade d Rávew ser tratado lá mais, ele então passará a ser tratado em casa com sua família. Logo os amigos de Rávew, já estão lá de fora lhe esperando junto com sua família. Seu amigo Rafael, o descendente de orientais que é evangélico e o seu amigo Marcos com quem ele morou durante um tempo junto quando saiu de casa. Rafael logo pergunta:
- Rávew! Você está bem de novo graças a Deus! – diz ele feliz.
- Ainda bem.
E o outro amigo de Rávew também diz:
- Ainda bem que você voltou a ser o que era! – diz ele sorrindo
- Marcos, me desculpe ter feito você passar por um monte de aborrecimentos.
- Não se preocupe Rávew, tudo está bem agora.
Rafael então pergunta:
- E enquanto a seu livro? Se mal lhe pergunte, irá voltar a escrever?
- Desde que comecei a escrever aquele livro só tive problemas. Mesmo assim eu o terminei aqui na clínica. Não sei mais se devo ou não publicá-lo.
- Mas você estava indo tão bem nele. – diz Rafael decepcionado.
- Mesmo se eu quisesse, você se esqueceu que minha mãe naquele momento de raiva acabou apagando meu livro anterior.
A mãe de Rávew diz então:
- Me desculpe por ter sido tão incompreensível filho, acabei enxergando que o pior defeito de uma mãe é nunca querer compreender seu filho e só querer que ele a compreenda.
- Esse é o defeito de todos pais com seus filhos e de todo homem com seus inimigos. Nem sempre os filhos procura ver o lado dos pais e os pais o lado dos filhos. E mesmo o homem, nem procura saber por que e pra que seu inimigo lhe atrapalha tanto a viver, pois todos tem um motivo pra suas ações e por isso que os dois devem tentar pacificamente conversar e resolverem suas diferenças.

- É assim com todos homens deste mundo meu filho.
Rafael ainda fala para Rávew:
- Tenho que te dizer uma coisa Rávew.
- O quê?
- Quando eu ia lhe entregar o disquete na sua casa, acabei não podendo depois q descobri que você estava correndo risco de vida e fui ajudar a você e seus pais. Acabei não te lembrando de entregar o disquete desde aquele dia até hoje. Mas ele está lá em casa, inclusive eu o gravei no meu computador seu livro Rávew! – diz ele emocionado.
- Isso é bom, mas não vou mais levar ele adiante agora.
O pai de Rávew então fala:
- Mas porque meu filho, o Rafael me contou sobre ele e eu adorei! – diz ele alegre.
- Tenho medo de voltar a usar drogas quando não estiver inspirado para escrever d novo. – diz Rávew triste.
Sua irmãzinha mais nova então fala:
- Se os outros dizem que você escreveu coisas ótimas antes, porque não teria a mesma imaginação que tem sem usar drogas?
Rafael fala:
- Sua irmã está certa, aquela parte do seu livro só podia vir de uma imaginação bem criativa como a sua. Mas acho que você viajou demais com aquela de se achar ser Jesus.
- Nem me lembre disso amigo, já tem um tal de Inrri num sei o que num sei das quantas se achando a reencarnação de Cristo. Não quero ser mais um desses loucos. Pois é um trilhão de vezes mais fácil eu ser um futuro revolucionário líder espiritual iluminado por DEUS, que vai mudar o mundo para melhor, do que a reencarnação de Jesus Cristo. (Isso eu realmente quero.)
- Você mesmo que escreveu no seu livro, que mesmo que você fosse Jesus, o que importa é o agora e agora você é você agora. Você é o Rávew.
- Tem razão. Mas ainda vou pensar se devo ou não escrever esse livro. Talvez eu ainda volte a escreve-lo. Mas não sei não meu. O livro pra mim, não passa d revelações d um jovem sonhador, q eu sou.

O combate entre o “dragão” do bem e o “dragão” do mal Cap.12-Part.4


Part.4

- Mas uma coisa que me deixa impressionado nesse seu livro, é que você não teve limites pra imaginação, como você conseguiu escrever um monte de coisas tão fantasiosas? C ando fumando maconha? – digo brincando e rindo – E que no final das contas, essas coisas existem! Ninguém espera uma coisa dessas.
Dá uma gargalhada Jesus e fala
- Todos esperam esse tipo de coisa ao contrário, por isso não temem que isso possa existir, aí entra o temor da existência. Se você não teme que isso exista e espera que nunca vá existir você acaba descobrindo que no final das contas existe. Pois pra alguém que não teme, tanto faz se isso existir ou não, por isso que não se deve duvidar e nem ficar acreditando em certo tipo de coisa, se quer realmente ter certeza de algo, procure descobri-lo. Só assim achará o que quer e vai depender de você. Sei q o livro é bem viajante. Mas história poderia ser diferente. Tudo é possível meu. Pois afinal vivemos num Universo infinito, q é um multiverso também. Ae q vem, com o multiverso, a infinitas possibilidades pra tudo meu chapa. Essa nossa conversa agora e toda essa história pela qual passamos, deve ter sido escrita por um cara qualquer em outro universo paralelo. Q pelo visto vive com os pés no chão da lua. Ele pode ter outro nome. Pode se chamar Milton José Rodovalho Moreira d Lima e usar um pseudônimo d MJR.Mirote. Hhehehehe... – ele então ri sarcasticamente. (Ironia e sarcasmo são coisas bem comuns mesmo na minha personalidade.)
- Depois dessa conversa toda sobre religião e ciência, q tivemos d novo. eu fico imaginando quanto tempo ainda vai levar para todas religiões entrarem em paz umas com as outras de verdade.

- Esse dia se aproxima cada vez mais, terá um dia, que o homem não vai mais seguir religião nenhuma. Cada um procurara fazer seu próprio caminho por si mesmo, ouvindo a opinião dos outros e principalmente dos mais velhos, para descobrirem uma sabedoria ainda maior. Terá o dia em que todos seguiram apenas trindade. Que pra vários pode ser, amar a si mesmo e ao próximo e o desapego material. Ou amar a Deus, amar a si mesmo e quem estiver mais próximo. Ou a mais recomendável que aconselho. Amai a deus sobre todas as coisas, amai ao próximo como a ti mesmo e não se apegue nos bens materiais. A santa trindade é a base de todas religiões. Tudo vai na regra do três, raiva trás inconseqüência que trás sofrimento. Mãnssides o faz conseqüente que lhe faz feliz. Rancor faz raiva que leva a vingança. Perdão trás arrependimento que faz a reconciliação. Precipitação trás insatisfação que vem com fracasso. Cautela faz segurança que dá a vitória. E assim por diante. E também não podemos nos esquecer que sempre terá a força da criação, da destruição e a do equilíbrio. Que é o que todas religiões pregam de uma forma diferente. Basta saber disso, que é o básico, o resto, procure alcançar com suas próprias pernas, seja seu guia espiritual. Muitos fazem isso e nem percebem, até mesmo os que tem sua religião.
Pois acabam se guiando para o caminho que seja o que já está exposto por outros guias. Isso que é o importante, que se siga um dos vários caminhos a se trilhar por si mesmo, sem que lhe imponham alguma coisa. Chega uma hora que você deve decidir no que está certo tanto pra você quanto pra a maioria dos outros e acaba sendo seu próprio guia espiritual.
- Ah bom então.
- Mais sem brincadeira meu, se eu colocasse a história real no livro, ia ficá muito mais paranóico. Mas ficou interessante, num é atoa que até nos livros de “RPG”, que sempre tem alguma coisa de verdade, na maioria das vezes tem mais verdades do que mentiras. O livro “Espíritos Indomáveis” foi a mesma coisa, praticamente quase tudo é verdade. ( Mas com certeza esse livro que você está lendo meu caro leitor, tem mais fantasia do que realidade, se você é inteligente, provavelmente sabe quais são as verdades, que apesar de serem poucas são fatos inquestionáveis e úteis. Mas bem q também nem eu mesmo duvide d minhas teorias da conspiração... Afinal. Num universo infinito. Há também infinitas possibilidades pra tudo.)
Nayra então chega em Carlos e fala:

- Você pode parar de ficá aí discutindo sobre questões filosóficas e vir dançar um forró comigo! – diz ela com cara de disgosto.
Carlos responde:
- Tudo bem.
- Ótimo. – diz ela sorrindo.
Os dois então vão dançar do jeito que estava escrito no livro que Rávew escreveu, todos num som de uma música bem humorada, vinda de uma banda de forró-rock, com vocalista cantando com vós bem esganiçada:

(Canção do cancioneiro xato.)
“Eu sei que c num qué me escutá.
Mais mesmo assim vo cumeçá a cantá.
Memo que o c num quera me ouvi.
C já tá me ouvindo memo.
E agora c vai te de tulerá.

Se não vai t que pagá.
Vai te que pagá.

Se não vai t que escutá.
Vai te que pagá.
Se não vai te que escutá.

Memo que o c num quera me ouvi.
C já tá me ouvindo memo.
E agora c vai t de me tulerá.

Se não vai t que pagá.
Se não vai t que escutá.

Pósso num se dos meió cancionero.
Mais pelo meno sei fazê umas boua rima.

E se o c ainda tá me ouvindoooo!
Saiba que to longe d acabá.

Mais se o c num tem saco pra issooooooo.
Num é por causa disso que vo terminá.

Agora a música já tá rolandooooo!
E os teu ouvido, c quase tampando.

Se o c tá rezando pra eu pára.
Saiba que nenhum santo vai t ajudáaaaa!
Mais num se preucupe que seu sofrimento já tá prestes a acabáaaaa!

Porque já tá chegando no fim.
Mais antes de concluir o serviçoooooo!
Eu vo deixá um aviso.

Meu tempo já tá muito corrido.
E o som já vai baxá.

Mais antes disso! (A música então para por três segundos.)
Mais um toque vai t que rolá! (Diz o vocalista em vós alta e grossa. Daí então, é só som da pesada, misturando som de guitarra e acordeom, depois de alguns minutos ela acaba. Me inspirei em Lampirônicos.)

O combate entre o “dragão” do bem e o “dragão” do mal Cap.12-Part.3


Part.3

Eles então chegam no bar do Marcos bem na hora do almoço, num domingo bem ensolarado. Entram no bar e estão todos reunidos numa festa de boas vindas a Ravew. O Jeus moderno. Com direito a amigos mais íntimos e a própria mulher e filhos de Jesus que se encontraram depois de um longo tempo. Nessa hora de bastante festa e felicidade, muito forró e músicas variadas, Carlos vê Cristo, que depois de ter tomado um bom banho que fazia tempo que não tomava e que agora está sentado numa cadeira, com uma calça jeans, tênis branco e azul e camisa pólo azul. Lá está ele abraçado a sua mulher de beleza deslumbrante com seus cabelos curtos e um sorriso bem brilhante, sentada ao seu lado. Carlos então pergunta a Cristo.
- Cara. C pode me arranjar o livro sobre essa história que você escreveu no passado?
- Pede o Flávio, que ele tem o livro. Ah! Eu num te apresentei ainda... Essa aqui é a Sofia, minha mulher.
- Oi. – diz Carlos.
A mulher de Cristo então diz:
- Tudo bem.
- Tudo. – diz Carlos.
Carlos então procura Flávio, que lhe dá o livro para ler. Carlos fica a tarde toda lendo o livro, não para nem para dançar com Nayra. Chega sete horas da noite e todos estão nas suas mesas comendo pizza e bebendo, Carlos chega em Cristo e lá está ele junto com sua mulher e filhos comendo pizza. Jesus com uma bela caneca de cerveja na mão e comendo uma pizza vegetariana feita com carne de soja, comendo junto com Sofia. Carlos então comenta.
- Cara! Esse seu livro é totalmente punk! Tem tudo, até o nome dos personagens principais é o mesmo, claro q tem algumas mudanças d alguns nomes dos personagens e d certos locais também é claro. As coisas q acontecem nele foram descritas em locais diferentes q é o q está escrito no livro. Fora isso, as aventuras q passamos juntos é praticamente igual, se não fosse por pequenos detalhes q diferenciam algumas coisas d livro e da aventura q tivemos. Você escreveu o seu destino. Você literalmente escreveu o seu destino e o meu também e o destino d todos q convivem com você e q passaram por essa aventura fantástica q é a nossa história. Tudo no fim acabou em pizza, q nem estamos agora. E mesmo assim. Ranfarad não conseguiu evitar q o destino nosso d salvar a o mundo se cumprisse. (Isso é óbvio! O q eu quero mesmo ver são os mocinhos ganhando e salvando o dia.) Outra coisa q eu gostei. Pó livro parece ter sido escrito exclusivamente pra mim. Já q eu sou o personagem principal dele e eu q narro a história. E mais uma vez o dia...
- Foi salvo! – Diz Rávew com cara d empolgado – Graças as meninas super... Qué dize... Graças aos heróis dessa história toda q somos nós.
- Bem bolado cara, quando li o livro. Como ia dizendo, era como se eu descreve-se a aventura q passei com você e com todos os nossos amigos. Por isso q o narrador é narrador personagem. No caso o narrador personagem sou eu! E a história narrada no livro Espíritos Indomáveis é basicamente a minha mesmo. Q loco mermão! Muito punk mesmo. – fala Carlos empolgado. – Huahuahuahauhahuahua!!!! Mas eu to querendo lê mesmo são os livros continuações desse ou então o edição única que é de mil e quinhentas e poucas páginas e do tamanho de uma folha A.4. E cara, mas se não fosse a “CIS” para encobrir pela mídia que essa história escrita no livro era a sua própria história do seu futuro e do nosso futuro... As coisas se complicariam pra você.

- Uma coisa q você tem q saber também. Na verdade, eu não precisei da “CIS” para fazer esse trabalho de manipular a mídia. O destino me ajudou, tornando as coisas mais fáceis.
- Como?
- Depois de largar as drogas e o tratamento psiquiátrico eu resolvi escrever meu livro, logo fiz a zaga completa dele. Cerca de dez livros, sete deles sobre meu encontro com os apóstolos e iluminados, em que termina com nós salvando o mundo, outros dois sobre a história do anticristo e a minha. E o ultimo, um livro q serve d guia espiritual ensinando um bom modo de se viver, q é no caso, as revelações d um jovem sonhador. D um jovem q quer um mundo melhor. Eu tenho um tio que estava acompanhando eu fazendo ele, nós somos muito amigos desde q o conheci quando casou com minha tia Juliane, eu e ele gostamos de muitas coisas em comum entre a gente. E até mesmo o modo de pensar é bem parecido. Ele se chama Roberto. Ele...
- Já sei! Ele que roubou seu livro e...
- Dâaar!... Claro que não! Senão não seriamos amigos ainda. Deixa eu contá caramba! – diz Cristo com os olhos esbugalhados fazendo uma expressão sem muita seriedade.
- Tá bem.
- Esse meu tio é um escritor muito famoso e um ótimo crítico literário e ele já sabia que eu era reencarnação de Cristo, mas num comentava. Ele q tinha escrito o livro Dorijos: Em busca da verdade, demoro a faze sucesso mas fez. O que aconteceu, é que com 27 anos, terminei de escrever tudo que queria. Então meu tio, vinha acompanhado que escrevia e ele que é muito rico. Fez uma senhora reunião de família dos Estervez na Nova Zelândia. O país dos esportes radicais, nós nos divertimos muito experimentando autas modalidades d esportes radicais! Foram bons momentos q passamos lá. Nessa reunião foi mais de duzentos familiares, trinta deles eram d árabes e judeus, tudo pessoal do oriente médio, q faz parte da descendência d nossa família também. E tinha justo um casal d mulçumanos de Jerusalém, que tinham um filho judeus de treze anos, adotado por eles após a morte dos pais biológicos. Ele naturalizado brasileiro, foi morar com eles lá em Israel. E nisso. O meu tio só foi terminar de ler meu livro no notebook dele lá na reunião de família. Nisso esse parente distante espertalhão e inteligente, o caboco de treze anos, fuçou no notebook e gravou a saga inteira do livro num pem drive, foi fóda meu! A família deles foi embora mais cedo da festa e de lá, chegando na casa dele, ele imprimiu o livro e colocou todos direitos autorais no nome dele e deu um jeito d publicá-lo. Acabou vendendo muito, vendeu mais que a Bíblia.(Sonho meu pra esse livro.) Meu tio ficou indignado com que houve, minha família também. Eu também! Mas eu não me importei, porque sabia que isso ia acaba acontecendo mesmo, foi um sinal do q eu mesmo escrevera, passei a dar mais valor no q escrevia a partir d então. Minha família, toda. Eles acabaram se conformando depois que os consolei. Foi então q resolvi escrever outros livros q não tinham esse tipo d viajem fantasiosa demais q estava na minha saga. Eles fizeram sucesso no meio acadêmico e também leigo, porque envolvia muito, filosofia, economia, teologia, ciências políticas e crônicas. Mas já que o livro Espíritos Indomáveis, tava profetizando a vinda de um presidente que faria o Brasil uma super potência e uniria o mundo, acabou sendo ainda mais vendido depois que virei o presidente fazendo os sete anos de paz, 7 anos em que não teve nenhuma guerra em nem conflitos entre as nações no mundo inteiro. Agora quer saber qual era o nome do meu parente?

- Qual?
- Ranfarad Candarfridhi Estervez, o anticristo com qual lutei, coincidentemente as mesmas iniciais do meu nome tem no nome dele também. E coindentemente ele também ficou bem parecido comigo quando cresceu. Mas fazia questão d mudar o corte d cabelo pra não ficar. Depois dos 7 anos de paz o mundo, ele armou para surgir o “Geda”, Grupo de extermínio d anticristos. Segundo o q eles mesmo também se conheciam, a organização terrorista protestante que vem fazendo vítimas ultimamente. O “GEDA” então foi matar Ranfarad, por um plano que ele mesmo armou em que eles descobrissem que ele era o anticristo. Fez o “GEDA” pensar que matou ele. Nisso ele deixou uma carta revelando que eu o usara para colocar meu livro nas mãos das pessoas do mundo inteiro e nessa carta ele também deixou indicando várias provas falsas de que eu era o anticristo e não ele, logo eles vieram me matar e acabei sendo morto quando eles armaram aquela bomba pra mim, q é também a q eles usam em seus atentados. Agora Ranfarad já deve estar botando a segunda fase de seu plano em prática. Dominando quase toda a “CIS”, deixará o caminho livre para a mídia divulgar falsas provas que o “GEDA” tem contra mim, com a invenção de que eu era o anticristo, algo que a “GEDA” tem tentado a muito tempo sem sucesso por causa da “CIS” que a impedira de divulgar as falsas provas. Sujando minha imagem, Ranfarad pretende dominar o mundo e trazer um novo Apocalipse, colocando a marca da besta que todos antes esperavam mas vão esquecer quando ela vier, o famoso biochip q é o arácnus, ninguém pensará que ele é a marca da besta porque acham que já foram marcados a muitos anos atrás da forma q eu mesmo já expliquei e que isso não passava de especulação antes.
- Cara... – diz Carlos embasbacado – Incrível. A história ficaria muito mais massa se fosse escrito mostrando ela na vida real. Outra coisa meu, essa d holocausto começando com “O”, foi o Ó do borogodó! Mas fico legal meu.
- Eu nunca fui muito bom nesse negócio de gramática mesmo e pra que “H”? O “H” é mudo mesmo. – diz ele com sorriso irônico – Só fica de enfeite na palavra. Essa é só uma das várias palavras no português que pode ser escrita de formas diferentes, que vão prevalecer o mesmo sentido e entendimento.
- O que mais gostei nesse seu livro, é essa de você querer fazer a paz mundial e te confundirem com anticristo.
- Não, pois é. Percebi isso, porque não tinha sentido um monte de cristão saber que viria o anticristo querer fazer a paz mundial. Aí eu pensei, se for assim, ninguém vai aceitá ele, ou pelo menos a maioria. Mas li outra coisa na Bíblia, falava que o anticristo ia fazer um monte de guerras e que a maioria dos homens iria acabar ficando do lado dele no final das contas e teria muita guerra no mundo. Mas como o diabo faria isso? Me perguntei, então pensei na melhor jogada dele, porque não usar as três religiões mais fortes do mundo para colocar do lado dele? A coisa mais fácil que ele podia fazer era a de se aproveitar de mim fazendo a paz mundial e já que a maioria dos cristãos pensariam que eu fosse o anticristo, iriam querer me matar. Pois faria sentido pra eles, pois seriam minoria no mundo no futuro, que é agora, porque o mundo tava se orientalizando principalmente com budismo. Pra surgir um líder de uma organização terrorista protestante querendo destruir tudo e aumentar o cristianismo voltando a um tipo de Santa Inquisição, seria questão de tempo acontecer, mais ou menos depois de sete anos com a paz mundial feita por mim. Aí que entraria a parte de que o anticristo viria com a paz e a união dos povos. Fazendo um monte de trouxas não aceitarem isso pensando ser do diabo e fazerem uma terceira guerra mundial. E num é de hoje que muitos homens estão do lado da besta não, as coisas começaram na entrada desse século mesmo. Que muitos pensavam que não estavam do lado da besta, mas na verdade estavam, pois são justos esses três povos que mais causavam mal aos homens, os judeus, islâmicos e cristãos. Primeiro aquela de católicos e protestantes cheios de conflitos na Irlanda, depois do Bin Ladem de distruí as torres gêmeas nos Estados Unidos, onde pelo menos a metade do povo de lá é protestante e quase a outra metade é judia. Depois uma porrada de escândalos sexuais envolvendo padres e menores de idade, ainda tinha aquela guerra mais estúpida ainda de israelenses judeus e palestinos islâmicos, tudo por causa de água e outras tretas também.

Diziam que haveria três demônios também no domínio do mundo, mas ninguém conseguia ver eles. Os três demônios eram líderes mundiais de países mulçumanos, judaicos e principalmente cristãos. Eles mesmo não percebiam, mas eles eram a própria “nova era” de que os cristãos tanto falavam que traria os planos da besta ao mundo, pois não faltava um número de Igrejas crentes crescendo cada vez mais e dominando cada vez mais ignorantes com falsas esperanças naqueles ladrões. Havia uma série de mudanças acontecendo com essas três religiões. Cegos estúpidos! Não conseguiam enxergar que na verdade estavam seguindo satanás. Tolos eram achando seguir a Deus, pois na prática são verdadeiros anticristos a maioria dos que seguem essas três religiões. Pois ambos estão às virtudes de satanás. O orgulho, que ambos se acreditam serem os primeiros a serem salvos, mas os primeiros serão os últimos e os últimos os primeiros. O Orgulho que lhes sega sobre a verdadeira trindade dentro de todas religiões. Amar a Deus, a si e quem estiver próximo. Neles também prosperam a mentira, pois seus líderes são ricos e só querem manipular e explorar as pessoas no trabalho para os próprios interesses. Neles a imposição é continua, pois não querem que ninguém possa opinar, a não ser seus próprios poderosos que não lhes dão ouvidos. A ignorância flui em suas mentes e daqueles que os seguem. O rancor e desamor ao próximo andam de mãos dadas entre esses três povos. A luxuria entra nesse conjunto miserável. E principalmente a destruição que ambos causam a Terra, não é difícil perceber isso pela mídia. Estão todos podres, porque não souberam enxergar o número da besta em si mesmos, que é 666. Se eles percebessem que no cristianismo, a três divisões diferentes, os católicos, protestantes e ortodoxos. Que no islamismo a duas divisões, os xiitas e sunitas. E que no judaísmo não se há divisão, ambos juntos dão o número seis e seis vezes três é igual 18, que são três seis, que são 666. Há três nomes dados para protestantes, protestante, evangélico, crente, ambos dão 27 que dividido por 3 dá 9, que de cabeça pra baixo é 6 que vezes 3 dá 18, que são três 6 juntos, mais uma vez 666. (Aprendi isso com meus amigos crentes, que adoram fazer essas contas matemáticas que coincidentemente acaba dando 666.) Não vão faltar combinações de palavras derivadas dessas três religiões que darão 666. Essa era a melhor forma de trapacear do diabo, pois no crime perfeito, o bandido deixa as provas apontadas para outra pessoa e para ficar acima de qualquer desconfiança, ele finge ser aquele que procura esclarecer o crime e acaba incriminando inocentes. Que você acha do Sadan, Sharon, Bush e outros panacas líderes mulçumanos, judeus e cristãos que faziam tanta guerra e mal para o mundo? Tudo farinha do mesmo saco!
E Bush era o pior de todos, o homem mais estúpido e idiota da face da Terra. O Sharom é o menos mal de todos, os piores eram Bush e Sadam. O Sadam via Bush como o demônio do ocidente, logo os mulçumanos também viam. Bush via Sadam como o demônio que ameaçava a paz mundial, pois o acusava de fazer armas de destruição maciça capaz de matar milhares de civis. (Essa crítica a seguir, é uma homenagem para meu irmão Luís, que me deu essa idéia de criticar Bush, quando terminava a revisão do meu livro.) Mas os mulçumanos estavam certos em ver Bush como o grande demônio, pois se tinha mais motivos pra fazer uma guerra contra os Estados Unidos do que contra Sadam. Pois o babaca do Bush, tinha controle do país com mais armas de destruição maciça e altamente tecnológicas, que poderiam ganhar uma guerra sozinhos contra todos os países do mundo e destruir o mundo dez vezes seguidas. Bush que era a principal ameaça do mundo, não Sadam. Apesar de Bush querer libertar o povo iraquiano, entre aspas, a intenção foi até boa, mas o método errado. Pois não precisava matar civis. E por que não declarar guerra aos Estados Unidos? Destruindo ele poderíamos eliminar da face da terra 25% dos serialkillers do mundo que viviam lá, sem falar mais outros 15% de pessoas com tendências psicopatas. E Bush não tava nem aí pra “ONU” mesmo, fingia que não ouvia os pedidos de paz dela e do mundo. E o Bush só queria satisfazer sua vingança, se queria tanto vingar o pai, por que não só matava Sadam?

Os civis não tinham nada haver com os erros de Sadam. Pura vaidade, pois sendo dono de todo petróleo do mundo, para ganhar mais dinheiro com isso. E interessante ele te ganhado, pra alguém que numa disputa acirrada com adversário, justamente em um estado dos EUA, dá um problema na cotação dos votos e é obrigado a revisar tudo de novo para dar no final a vitória a Bush com uma pequena porcentagem de votos. Não me admira também, pra o Bush ter armado uma fraude em cédulas de papel não seria nada difícil, só alguns votos de cidadãos que nunca existiram ou já faleceram a mais não lhe seria problema. A única conclusão que tinha de tirar disso, era que os líderes judeus, cristãos e mulçumanos viviam se chamando de demônios e coincidentemente eles dominavam a maior parte do mundo. Ambos um bando de tolos, sempre estavam em atrito entre eles e com quem não tinha nada haver com a história. E aí está a profecia da Bíblia dos três demônios dominando a maior parte do mundo e deixando sua marca da besta. Até na Índia, o país mais tolerante do mundo, entro em conflito com os mulçumanos, é impressionante como esses três povos se odeiam tanto e causam tanta apatia! Mais num tem base um negócio desses! Os que mais pregam o amor ao próximo viviam se destruindo. E eles eram a maioria no passado, os cristãos mesmos diziam que a maioria do mundo seria dominada pela besta, taí a forma que um bando de trouxas nem perceberia. Enquanto isso Lúcifer ficava contente jogando dardos numa foto de Deus e comemorando a entrada de mais novos idiotas no seu mais novo condomínio do inferno. Pode se dizer que infelizmente, estavam com a marca da besta a maioria dos que seguiam essas três religiões, usando a mente pensando como ela e as mãos agindo como ela. Pois ambos progrediam na mentira, ganância, ignorância, violência, luxúria, vaidade, egoísmo, cinismo, desafeto, desimportância, desumildade, incompreensão, vangloriação, impiedade, injustiça, hipocrisia, ódio e orgulho. A própria mídia e eles mesmos se denunciavam, quantas vezes já vimos na televisão e já ouvimos casos de pastores charlatões que mentiam para seus fiéis iludidos para alimentar a própria ganância? E tanta ignorância que vive entre essas religiões? Quantos países mulçumanos que mais da metade da população era analfabeta e nunca leu um trecho do Alcorão? Quantos católicos no mundo não tem o mínimo conhecimento dos apócrifos q contradizem por completo a história d Jesus? Principalmente quando se trata do livro O evangelho segundo os apóstolos. Quantas vezes já vimos e ouvimos falar de conflitos religiosos cheios de ódio e violência, entre ambas religiões pronunciadas? E os escândalos aterrorizadores de pedofilia na Igreja Católica? E a vaidade de todas as formas, principalmente com a espiritualidade? E o egoísmo de se acharem os únicos? E como muitos ricos americanos eram cínicos, desumildes e nem davam importância para os outros? E o tanto que de americanos que apoiava a guerra de Jorje W.Bush? ( Talvez houvesse muitos judeus os apoiando. )

O desafeto entre israelenses e palestinos que não se entendiam e nem procuravam se compreender? E os massacres impiedosos e injustos, que ambos líderes crentes dessas religiões já fizeram? E principalmente o absurdo que uma grande maioria de seguidores de ambas religiões pronunciadas são orgulhosos e sem humildade, pois vivem se vangloriando e se dizendo os únicos escolhidos por Deus. Os únicos do caminho certo, os únicos que podem! Não enxergam a própria decadência, pois ambos vivem se exaltando e humilhando os outros que não são da suas crenças, raça ou cultura. (Isso, meu caro leitor, é pra você, independente de cultura ou credo refletir nos dias de hoje.) Tipo assim, são na maioria um bando de estúpidos que seguem o diabo usando a minha máscara e não percebem. Os diabos são seus próprios líderes políticos religiosos a quem servem, ou um dos dois tipos. Esses líderes que os iludem mostrando uma boa imagem mas, sendo verdadeiros chacais por trás da máscara. A verdadeira marca da besta meu. Aquele negócio de biochip, não passava de especulação de pastores que trabalhavam para “PO”, que na verdade queriam fazer as pessoas não verem a verdade. E qual o principal motivo de tudo?
- Intolerância religiosa. E olha que eles são os que mais pregam a tolerância e o amor ao próximo. Fazendo o pior pecado do ser humano, o egoísmo, que só leva o homem a mais pecados, principalmente na forma de aumentarem o ego se dizendo os únicos com direito a salvação.
- Principalmente da parte dessas três religiões umas com as outras e isso tudo começo de quem se formos analisar?
- Dos próprios cristãos desde os tempos mais remotos, na época medieval.
- Pois é cara, essa bobeira de achá que só eu sou o único caminho, isso num faz sentido.
- Me lembrei de uma parte da Bíblia que seus apóstolos chegaram em você e falaram que viram um outro cara expulsando demônios no seu nome e eles o proibiram dele fazer isso. Cê chego neles e deu a maior lição de moral falando que quem não era contra você era por você.
- Pois é cara! Isso tinha que fazer uma tolerância pelo menos entre católicos e protestantes, pois eles iam pensar o seguinte: “Acreditam em Jesus, num tem nada contra ele, só a favor, então eles são nossos irmãos e merecem nossa confiança.” Mas parece que eles nem leram isso e mesmo assim, eles vivem me chamando de Deus mesmo, dizendo que sô ele também. Quero saber se tem uma religião que é contra Deus?
- Sinceramente, não queria ofender os cristãos não, mas os que pensam desse jeito são mesmo uns babacas!
- O negócio na Bíblia é o seguinte, muita coisa nela é simbólica, muita coisa nela é leva várias interpretações diferentes que podem contradizer as outras ou complementar.(LINGUICEIRA) É no caso deles me chamarem de Deus, mas não aceitarem a concepção dos outros só porque não vem Jesus como o grande profeta deles. Pode ter uns que até reneguem a mim, mas não renegam ao pai, então não me renegam, fica o dito pelo não dito. Mesmo assim num tem nenhuma religião que duvide de minha divindade, é difícil te uma. Só não sou o profeta mais importante de todas, porque não fui eu que estava lá para espalhar a boa nova no momento que Deus precisava espalhar e eles não consideram que eu estou em todo mundo? De certa forma todo mundo é eu e todo mundo pode servir de intermediário pra Deus. E aí o tempo foi passando, os sinais apocalípticos vindo e passando despercebidos. E tudo por que? Por que as pessoas se deixam levar só pela fé sega ou só pelo total ceticismo e não procura vê o caminho do meio. Que é os dois juntos e não é nem um dos dois. Um exemplo disso que eu dou, é quando começou a soar as trombetas. Na primeira trombeta, se todo mundo pará para vê o que quê tava acontecendo e interpretá direito usando a razão. Viria que a chuva de granizo não passava de chuvas ácidas por causa da poluição, que num fez pouca destruição não... Um monte de terra infértil sem árvore por causa das queimadas. Na segunda trombeta, se formos pensar na terça parte da água convertida em sangue, c pode compará com a poluição que mata um monte de animais marinhos onde navios pretoleiros e outros afundaram e afundam poluindo mais ainda, ou várias outras formas de poluição. A terceira trombeta, como um monte de rios e fontes poluídas que se bebe da água e morre. A quarta...

- Como a poluição nas nuvens tampando a luz do sol e das estrelas. E a quinta trombeta, colocando os gafanhotos como vírus ou bactérias que transmitem doenças que nos fazem sofrer por muito tempo ou tragédias radiativas e bombas atômicas que ficam cinquenta anos ou mais atormentando gerações seguidas. A sexta trombeta, a cavalaria como os exércitos que matam milhares e milhares de pessoas. E a sétima do mistério de Deus, como os profetas e pessoas nesse mundo que profetizam nesse mundo para fazê-lo um dia melhor, a procura pela paz de forma insistente!
- Isso cara! Cê tá pegando o jeito da coisa, isso aí foi o que aconteceu, agora já tá sendo as sete taças, que vão traze um monte desgraças para os seres humanos.
- Legal cara! Agora que andei pensando, é sobre aquela dos cristãos não aceitarem que o homem vem do macaco, eles sabem que Deus fez o homem, mas quem díz que está especificado na Bíblia como ele fez?
- Poisé cara! Num é gonorância. – diz ele sarcasticamente – Se na própria Bíblia diz que primeiro veio os animais marinhos depois os terrestres, depois que veio os voadores e por ultimo os homens. E ficam aí achando que os cientistas estão errados. Ah meu Deus, dá até uma descrença isso! Se os próprios cientistas descobriram que primeiro veio os seres marinhos, depois os seres terrestres, depois os voadores e por ultimo o homem, colocaram especificadamente como isso aconteceu, aí sempre tem um que fala: “Não! Deus que criou o homem através do barro!” Num é atoua que os cientistas descobriram que nosso corpo tem carbono e uma porrada de outras coisas que se encontra na terra. E ainda vem com aquele argumento: “Não! Mas se nós fosse descendente de macaco, ele teria que tá evoluíndo até hoje e já taria até dirigindo carro.” Pelamor de Deus, vão se anta lá nu inferno... – diz Cristo pondo a mão na cara e a balançando pros lados – Será que eles não estudaram que o tempo que o homem levou para virar homem, foram mais de três milhões de anos! E por que nós viríamos do chipanzé? Tem um monte de espécies de macacos e talvez a que nós viemos nem existe mais e é bem capaz se essas espécies evoluírem,(Chipanzé e outros.) nunca que vão tê a mesma semelhança de nós. Ainda é capaz que demora bem mais do que nós para evoluírem, porque só evoluí de acordo com as necessidades que vai se precisando. Sem falá que os macacos tão precisando de evoluí mais, o homem tá destruindo a natureza, eles acabam ficando mais espertos. Cê vai vê se daqui uns milhões de anos, se esse planeta ainda existi, cê vai vê se eles num vão tá mais espertos. Isso só no caso deles verem necessidade, senão é capaz que nem evoluem se não sentirem necessidade.
- Pior cara... Pior mesmo são os ateus fundamentalistas ao extremo e ainda pseudointelectuais. Com aquela frase: “Deus não existe.” Dá até vergonha, eles dizem que tudo vem do bigbang, mas será possível que eles não pensam ou vêem que Deus não poderia muito bem se manifestar através do bigbang? Se você pergunta a eles o que coordena tudo isso? Eles respondem: “Sei lá, a ciência num provou.” Aí cê toca num assunto, não seria por a caso alguma força desconhecida? Eles dizem: “Pode ser.” Essa tal força que é Deus, aí eles vem naquela pergunta: “E de onde surgiu essa força?”

- Aí eles caem naquela paranóia: “Alguma coisa fez ela, foi uma outra força que deve ter sido feita por outra...” E vai por aí só cai na mesma resposta, num descobre bosta nenhuma e cai na cabeça: “Nós viemos do nada, pois essa tal força veio do nada, então não existe Deus.” Vão se trouxa nos quinto do inferno, os próprios cristão dizem que Deus veio do nada, no final das contas os ateus cabeçudos acreditam em Deus, só que de uma forma diferente e paradoxal. Já q acreditam q existe uma força natural q faz o Universo ficar em constante transformação. Pode ser como: “A força superior que coordena tudo!” ou “O grande arquiteto do universo!” ou simplesmente DEUS.
- Bem q Einstein nos deu a visão d q o Universo em si, já é uma manifestação divina natural. Acreditar em Deus ou não, se torna uma questão semântica e relativa.
- É... Realmente meu caro Carlos. Nisso eu sou obrigado a concordar com você.
- Taí porque o melhor caminho é o do meio, entender o que os outros dois realmente significam. Equilíbrio entre fé e ciência.(DESLINGUIÇO)
- Isso. Mesmo que as pessoas dizem que a religião não é compatível a ciência, aí que elas se enganam. Pois se a própria Bíblia é, por que as outras religiões não?

O combate entre o “dragão” do bem e o “dragão” do mal Cap.12-Part.2


Part.2

O anticristo então aperta o botão do controle remoto, ouve-se uma explosão na cabine e o míssil começa a ser lançado. Mas o anticristo não esperava que Carlos num movimento rápido, corre em direção a espada de Jesus que está no chão dá um pulo com ela em direção do míssil. Ranfarad então se vira em direção de Carlos e arremessa sua espada para cima dele, mas outra coisa que ele ainda não esperava, é que Umpuruí pularia na frente, sendo ele atingido pela espada no seu peito, em seguida o anticristo grita:
- Nãooooo!
Nesse momento Carlos usa a espada para dar um corte no míssil que só podia ser cortado pela espada sagrada, os fius dentro do míssil pegam curto circuito. Fazendo que o míssil agora não seguir mais em direção do oriente médio, mas sim continuar indo para cima até gastar todo seu combustível especial. Coisa que não irá durar muito tempo, pois depois do ataque fulminante de Carlos que por sorte não pegou no tanque. Carlos aproveitou o momento em que tinha já rasgado míssil e o deixado com defeito, para mandar os pés nele na vertical e jogar um salto mortal para trás, longe o suficiente para não virar churrasco metamorfo e sem esquecer da espada sacra nas suas mãos é claro. Jesus então diz a Ranfarad:
- Viu que o mal não compensa, você estava tão preocupado em me matar, que se esqueceu de ativar o míssil antes, igual eu mesmo já tinha escrito.
- Nós nos encontraremos de novo, maldito!
Ranfarad usa seu poderes e vira uma nuvem de fumaça negra do tamanho de quatro metros, quando isso acontece sua espada segue o mesmo procedimento e se junta a ele, em seguida ele pega a forma de um demônio de fumaça com forma de gárgula e voa rapidamente saindo pela entrada do templo. Carlos então fala com Jesus:
- E enquanto a Nayra e o Marcelo que estão mortos?
- Já vou cuidar disso.
Jesus então pega com os poderes da mente seu cajado(Faz seu cajado voar até ele.), bate com sua ponta de baixo no chão dizendo:
- Que a força do GRANDE GUARDIÃO UNIVERSAL os vivifique!
Então do cajado sai três raios que vão em direção do corpo de Nayra que está no chão, de Marcelo que está nos escrombos da cabine destruída pela explosão.(Felizmente ele ficou com o corpo inteiro. No momento da explosão, ele já estava saindo da cabine de controle. Mas foi acertado por estilhaços que lhe furaram o coração lhe pegando pelas costas no momento que saía da cabine.) E o outro raio vai em Umpuruí que revive o novamente, Muapi então grita:
- Irmão! Você está vivo.
- Pensei que iria morrer sem ter o seu perdão.
Muapi se transforma em ser humano, então os dois correm em direção ao outro e se abraçam. Marcelo sai dos escombros em forma de homem também e Rânara se transforma em mulher novamente, os dois correm um para o outro e se abraçam dando beijos de amor. E para completar o final feliz, Nayra corre em direção de Carlos que é abraçado na forma que está mesmo, ela então diz com a cara fechada:
- Dá pra você se transformar em homem. Eu num to afim de beija boca com bafo de onça não!
- Ah! Desculpe-me.

Carlos vira homem e eles se preparam para dar um beijo na boca um do outro, mas antes disso acontecer, Jesus fala para eles:
- Não queria interromper os dois pombinhos não, mas o míssil já vai voltar e cair aqui e explodir esse templo e essa história vai acabar ficando sem final feliz, isso vale pra o cês também Rãnara e Marcelo.
Os outros dois pombinhos se desgrudam e todos nossos heróis vão em direção do avião de porte médio na forma de seres humanos. Quando todos estão lá dentro, Jesus então entra na cabine e pergunta para os outros:
- Alguém aqui sabe dirigir um avião?
Carlos fala irritado:
- Porra meu! C dirige uma nave estrelar e não sabe dirigi um simples avião.
- Dirigir naves é igual jogar videogame, não é tão complicado como essa tecnologia ultrapassada.
- Faz alguma coisa! C nunca viu isso num filme não!
- Tá bem! Calma aí meu...
Jesus então dá a partida no avião, começa a sair do templo com ele, acelera firme passando por quase toda a pista no meio, que fica na cidade que está em volta do templo, na hora em que cai o míssil no templo, a explosão começa a afetar a cidade e a chegar mais perto do avião. Até que ele decola, consegue evitar a explosão que destrói as ruínas da cidade inteira, até que Cristo fala:
- É como nos videogames também. Graças a Deus! – diz ele aliviado.
Nesse instante um pedaço de pedra voa em um dos bimotores, danificando ele e agora o avião está a setecentos metros do chão, até que Jesus grita:
- Peguem os pára-quedas!
Jesus abre então a escotilha(Aquela enorme porta do avião que se abre atrás dele descendo para baixo, para quem não sabe.) do avião, mas tem um problema, há apenas dois pára-quedas. São nove os nossos heróis agora, a única alternativa para um momento desses é dividir os dois pára-quedas, Rânara então pôe um nas costas e fala para Muapi e Marcelo:
- Eu vou pular e vocês dois agarram nas minhas pernas!
Marcelo então fala:
- Não senhora! Eu pulo e só você agarra nas minhas pernas!
Rânara olha torto para Marcelo e fala:
- Eu já estou com os pára-quedas nas costas esqueceu... Marcelo?
Ela então pula, Marcelo e Muapi fazem o mesmo em seguida, no ar se agarram com todas forças nas pernas de Rânara, ela abre o paraquedas, sente um baque nas pernas e ainda diz:
- Minha nossa! Pensei que vocês iam arrancar minhas pernas depois desse baque.
Nisso Marcelo olha para Muapi e fala:
- Num vai quere aproveitá dela não cara! – diz ele desconfiado.
Nesse momento Mirambú pôe os pára-quedas e grita com os outros:
- Ainda dá para mais dois virem comigo!
Jesus sai da cabine de controle e então fala:
- Pode deixá! Pula você e o Nanrrarábi juntos, porque eu tive um plano!
Os dois então pulam juntos e bem agarrados um no outro, Carlos então pergunta a Jesus:
- Qual é plano!
- Não me pergunte, só pegue aquela lona enorme amarrada no avião e faça o que eu fazer!
Carlos e Umpuruí, desamarram a lona quadrada(Vinte metros quadrado que ela tem.), que por sorte tem quatro cordas de sete metros em cada ponta, Jesus nem fala. Já pega logo a corda e amarra bem firme na cintura, nossos outros heróis fazem o mesmo. Umpuruí e Jesus ficam na frente, Nayra e Carlos atrás. Jesus corre para pular junto com Umpuruí, Nayra e Carlos fazem o mesmo. Carlos pergunta apavorado:
- Tem certeza que isso vai funcionar!
- Não sei! Nunca fui muito bom em física! – diz Jesus.

Logo que Cristo fala isso, ele já pula com Umpuruí, Carlos e Nayra fazem o mesmo. Carlos então grita:
- Essa nãoooo!!!
Os nossos quatro heróis que restaram pulam então do avião, a sete quilômetros das ruínas destruídas, ele(O avião.) cai e chega a arrastar ainda cinquenta metros até ficar sete centímetros da rodovia mais próxima, felizmente não explode e não mata nenhum animal no meio do caminho. O plano de Jesus sai perfeito, no ar os nossos quatro heróis pela graça de Deus, conseguem fazer um equilíbrio na lona quadrada de vinte metros de cada lado que é bem resistente, quando isso acontece os quatro ficam juntos um com os outros, bem “coladinhos” e abraçados.
Jesus então fala calmamente:
- Aí galera. Isso é ou não é emocionante?
Carlos fala:
- Isso é a maior loucura que eu já fiz, isso sim, nunca pulei de pára-quedas. Ainda mais com um improvisado igual esse.
- Sabia que as nossas chances reais de conseguirmos isso eram mínimas.
- O que! Nós podíamos ter morrido por causa de uma loucura sua!
- Loucura que nada cara, adrenalina meu! Ihurruuuu!
Nossos heróis então caem levemente de uma altura de quinhentos metros parando em cima de uma árvore de dez metros do chão, eles então se desamarram do pára-quedas improvisado e começam a descer da árvore. Logo se encontram com os outros que fazem parte do grupo que já estavam bem próximos. Carlos então pergunta a Jesus:
- Por que você não escreveu que nós íamos cair num lugar sem árvore?
- Ah, qualé, fica bem mais emocionante e ingraçado assim.
- E nós com pirucas de folhas...
- Num te falei. – diz ele com sorriso irônico.

Todos riem então, depois disso, eles começam a ouvir um barulho de jatos chegando perto, olham para cima e não vêem nada. Quando percebem, esse barulho de jatos está vindo cerca de cinco metros de distância e parece que cada vez desce mais, espalhando as folhas no chão da floresta para os lados. Uma surpresa então acontece! Começa a criar forma quando está a uma altura de sete metros, sendo tampado pelas árvores, é justo um caminhão voador que está saindo da camuflagem. Quando o caminhão está no chão, sai dele o homem sorridente, ex-apresentador de programa de televisão, Guinodam, o baixinho verde e um outro homem também já conhecido da televisão. Esse outro homem tem uma barba branca que passa do pescoço e é careca, com apenas fius de cabelo na nuca e numa parte a cima das orelhas, usa sapatos e calças sociais e camisa branca pólo. Carlos começa a achar esse homem conhecido de antigas fotos de revista, então ele pergunta:
- Você num é aquele tal cara que tava oferecendo um milhão de dólares para a pessoa que provasse que era um para-normal de verdade? Era um programa que passava lá pelas oito horas, todo domingo num canal, num sei se era da Globo o...
- Sou ele mesmo. “Rames Grund”, lá eu usava um outro nome, mas essa vida de mago que tem mais de duzentos anos, é mesmo difícil, as pessoas nunca te conhecem pelo verdadeiro nome. Por causa daquela proposta de um milhão de dólares, achamos muitos paranormais de verdade que pegamos para recrutamento na “CIS” e um monte de babacas se achando paranormais.
- Aquele tal de Tomas Grin num sei o que das quantas era um babaca?
- Não, ele num era nenhum dos babacas não, ele realmente conseguia fazer umas coisas, só que ele não devia mostrar para as pessoas que magia existe, ou então eles iam acabar percebendo que ele fazia parte de uma ordem de magos e nós estaríamos ferrados. Aquele meu discípulo era mesmo o mais rebelde e cabeça dura, achava que os homens deveriam ter o conhecimento do sobrenatural logo! Acabamos tendo que fraudar as coisas para provar que ele era um charlatão.(Quem dera que fosse isso mesmo.)
- Poxa, legal então. Ei cara! E enquanto ao vírus biológico?
- Foi bom você ter de tocar no assunto, aquele vírus é totalmente fatal para o ser humano, mas só se explodisse perto das outras armas biológicas, pois assim juntariam sua química e formariam uma arma altamente fatal na qual não conseguiríamos deter. Agora se ela se espalhar desse jeito mesmo, os contaminados terão complicações respiratórias complicadas, mas não dura muito tempo, os próprios anticorpos podem detê-lo com remédios ou sem remédios, o vírus na pessoa pelo contrário do que se pensa. Depois que ela se cura, ela passa a ter o sistema imunológico mais forte, não terão muitos problemas.
- Ah bom! – diz Carlos aliviado – complicações complicadas?... É, vai...
Nossos heróis então entram no caminhão, ficam apenas Jesus, Carlos e Nayra os outros pegam carona com o chefe da organização, que os leva para sua casa. Logo nossos heróis que ficaram, já estão chegando na rodovia e tem logo uma surpresa quando chegam nela, está passando de camionete cabine estendida.(Aquelas pra famílias grandes.) O Marcos, Bárbara e seu primo Flávio, eles encostam a camionete e saem dela, Marcos já sai falando com Jesus:
- Rávew! Grande amigo! – diz ele emocionado.
- E aí cara!
Os dois se abraçam rapidamente, se largam e Carlos então pergunta:
- De onde vocês se conhecem?

Jesus responde:
- Ih cara, eu ele já somos amigos já faz tempo meu. – diz ele sorrindo
- É isso aí Carlos, esse daqui era o mais doidão da turma. – Diz Marcos.
- Nós fazíamos altas loucuras meu! Se lembra aquela vez que a gente teve que fugi da polícia quando tínhamos pulado o muro pra entrá na festa de rodeio?
- Lembro cara! Até que o c pulo aquele muro de três metros e meio tipo o Jackie Cham! Mais nóis era doido antes dos vinte anos.
- Foi um dos pulos mais loco que fiz, uma passada só cara e já tava mandando a mão em cima do muro e passando do outro lado. Muito doido! – diz Jesus alegremente.
- Cara! Eu parei de fumá finalmente! – diz Marcos alegremente.
- Foi mesmo cara, então olha que acabo adiantando você te quase morrido no bar.
- É cara. E agora finalmente eu vou virar monge budista e dar um jeito de alcançar a iluminação. Só vim aqui com meu primo e minha irmã para passar umas férias em Acapulco. Acabo que aconteceu mesmo igual o que cê escreveu que ia acontece na minha vida! – diz ele espantado.
- Legal cara!
Carlos e Nayra então trataram de cumprimentar seus amigos que estavam próximos, nossos heróis então se acomodaram e se abundaram nas poltronas(Sempre tem uma exceção.) da camionete e foram todos para o Brasil, numa longa e divertida viagem.

O combate entre o “dragão” do bem e o “dragão” do mal Cap.12-Part.1


Part.1

Os dois agora estão frente a frente um com outro, Jesus Cristo dobra seu braço direito do jeito que sua junta lhe permite, com a palma da sua mão para cima, ele faz surgir uma esfera de luz. Essa esfera de luz, começa a pegar a forma de uma espada, logo Jesus já tem em suas mãos a espada sagrada, a espada da libertação, a espada da vida. Ele a pega com suas duas mãos e se coloca em posição de ataque, sua espada brilha e mostra em sua volta uma áurea de luz. O anticristo faz a mesma coisa com sua mão direita, só que ele conjura uma espada negra e vermelha através de um facho negro e vermelho de luz, sua lâmina só corta de um lado, é de cor envermelhada na parte cortante e é de cor preta no seu resto, termina com um triângulo eqüilátero. (Só imaginar a asa de trás de um avião para passageiros.) A lamina tem largura de dezesseis centímetros e sessenta e seis centímetros com mais seis milímetros de distância, antes de começar o seu cabo, tem um olho na lâmina com o globo ocular vermelho e a íris é negra, parecendo um olho de tiranosaurorex. (Pra quem não sabe, globo ocular é a parte branca do nosso olho, íris, a esfera colorida do nosso olho.) Seu cabo é de cor negra, tem vinte e seis centímetros de distância, na sua parte de baixo, tem uma imagem da cabeça do diabo, parece com a cara de um gárgula com dois chifres de touro na cabeça e dois pequenos chifres no queixo, um de cada lado.
O anticristo entra em posição de luta, sua espada tem uma aura negra em volta e antes dele começar a luta, fala para o irmão de Muapi:
- Acabe com eles Umpuruí.
- Sim senhor das trevas.
Umpuruí se transforma em guatinchara na forma quintára, vira um homem pantera negra de dois metros e cinqüenta de altura e de olhos vermelhos. Ele bate as suas mãos e sai de dentro dele seis réplicas de sua aparência, feitas de sombra em forma tridimensional. Nossos heróis se transformam em quintára e entram em posição de ataque.(Marcelo vira o lobisomem de três metros.) Nayra, usa seu traje camuflador e já começa atirando para cima do Umpuruí, algo que acaba não adiantando nada para Nayra, pois seu oponente pode ver quase que normalmente seus movimentos. Não lhe é difícil se antecipar dos projéteis de alumínio soltados da arma de Nayra na distância de cinqüenta metros que ela está, ele então aproveita um ponto vulnerável que Nayra deixa e corre rapidamente numa velocidade sobrenatural, cerca de cem quilômetros por hora para cima dela, lhe dando uma garrada no peito sem lhe dar tempo de reação. O golpe aplicado pega fortemente no seu peito, lhe arremessando-a vinte metros, fazendo sua camuflagem se danificar e não funcionar mais. Nayra cai esticada no chão e sem suas armas, sua armadura de liga especial de alta resistência é rasgada como manteiga, por sorte não chegou a feri-la gravemente na carne.

Enquanto isso, as réplicas em forma de sombras vão para cima dos nossos heróis e começam a travar um combate. Com direito a garradas, esquivas, fintas, defesas, chutes, voadoras e várias acrobacias com manobras de ataque, junto com as mais diversificadas técnicas de artes marciais. (Hora de você imaginar tudo aquilo que viu nos filmes chineses de Kung fu, meu caro leitor. Ou algo parecido com os filmes de Matrix e o Tigre e o Dragão. Mortal Kombat também é válido, Star Wars também. Mas as lutas aqui descritas tão mais pra o estilo o segundo filme do Final Fantasy.) Ao mesmo tempo Jesus já está correndo para cima do anticristo preparando sua espada. O anticristo também faz o mesmo, os dois correm a uma velocidade sobrenatural de cem quilômetros por hora. Percorrendo os dois juntos uma distância de trinta metros um para cima do outro, depois pulam os dois ao mesmo tempo numa altura de cinco metros, quando os dois se encontram no ar, suas espadas se chocam num ataque ao mesmo tempo em que os dois fazem, soltando faíscas com os ataques. Em seguida os dois caem virando saltos mortais torcidos para frente. Nesse momento, Nayra está atordoada no chão enquanto nossos guerreiros travam uma batalha violenta, difícil e sobrenaturalmente rápida com as réplicas de sombra. Nayra então se levanta, quando faz isso, Umpuruí vem rapidamente para seu lado preparando uma garrada para estocar em sua barriga. Carlos percebe isso e distrai as réplicas. Vai na direção de Umpuruí, mas é tarde de mais, quando ele percebe, Nayra já está sendo estocada por uma garrada na sua barriga. Carlos grita:
- Nãoooooo!

Umpuruí então tira sua garra do estômago de Nayra, que em seguida cai morta de bruços no chão. Carlos dá um salto, quando Umpuruí se vira para sua direção, já é recebido por cinco chutes aéreos feitos de frente, cons pés sendo esticados na vertical, na altura do abdome de Carlos. Umpuruí sofre todos os chutes os recebendo no peito e como golpe final, as duas garras do nosso guerreiro(Carlos) prestes a pegar em sua cabeça. Enquanto isso, Jesus e o anticristo, depois de chocarem suas espadas no ar e passarem para o outro lado virando saltos mortais para frente e torcendo o corpo, caindo no chão um de frente para o outro, cada um numa distância de dez metros. Logo correm um em direção do outro novamente, quando ficam pertos um do outro, começa uma luta sem trégua entre os dois, suas espadas se chocam várias vezes em golpes cheios de técnicas e acrobacias que as fazem soltar faíscas.(Imagine algo parecido com a luta do mestre Yoda no filme Star Wars: Ataque dos clones.) Nesse instante, Carlos quando vai acertar suas duas garras na cabeça de Umpuruí, completamente de bruços no ar, em posição de super-homem. Umpuruí estando com os pés no mesmo lugar, afasta sua cabeça para trás junto com sua coluna dobrando-a. (Dobrando-a a 60º.)

Ele vê as garras de Carlos passando por cima de seus olhos, aproveita o momento de vulnerabilidade de Carlos e usa suas mãos(As de Umpuruí.) para pegar nos seus braços (De Carlos.) e arremessá-lo contra a parede mais próxima. Jesus então faz uma manobra de ataque especial, se esquivando de um golpe com a espada de seu oponente vindo de cima, feito na diagonal para lhe acertar o peito. A espada passa por Jesus acertando o ar, Cristo aproveita que o lado direito do anticristo vulnerável com as costas, coloca seu pé esquerdo a frente e impulsiona com ele um pequeno salto e depois acertando um golpe em direção as costas do anticristo. O anticristo logo percebe que vai ser atacado e se vira defendendo o golpe com a espada. Jesus ainda estando no ar, termina fazendo em seguida um parafusado. (Pra quem não sabe, parafusado, é uma acrobacia em que o praticante dá um salto para frente. No ar ele se deita na posição de perfil, ficando na horizontal, da direção que ele pulou e começa girar de uma a três vezes no ar, parecendo um parafuso e em seguida cai em pé no chão. Se você visse isso de frente, com o acrobata estando de costas pra você, viria ele dando o pulo, mas estaria no ar deitado como se estivesse numa cama com os braços cruzados de perfil para você.) Jesus então cai em pé no chão, logo o anticristo desce de cima para baixo com sua espada rumo a cabeça de Jesus. Logo Jesus levanta sua espada e apara o golpe do anticristo, ficando numa posição em que sua perna esquerda está a sua frente.

Enquanto nossos outros guerreiros estão passando por uma luta difícil com as réplicas de sombra, Carlos está sendo jogado de costas para uma parede, que ele aproveita para virar um salto mortal para frente meio torcido e chegando perto dela, ele se apóia com seus pés nela. Ficando numa posição lateral na parede, mostrando a sua frente para entrada do templo, usa suas pernas para fazer uma impulsão e dar um pulo novamente em direção a Umpuruí numa distância de dezessete metros. Carlos vai então de frente a seu oponente, na posição de um leopardo quando ataca sua presa num pulo só, com as patas esticadas para pegar a sua presa. Mas antes que Carlos ataque, Umpuruí, pula antecipado por cima dele, passando as garras dos seus braços nas costas de Carlos e o jogando fortemente contra o chão. Umpuruí termina usando a impulsão de seus braços para fazer um salto mortal de frente e torcer o corpo no ar para cair de frente com as costas de Carlos, que se encontra de bruços no chão depois de ter arrastado sete metros. E quando Jesus apara a espada, sente a força enorme do anticristo lhe pressionando com a espada contra o chão. Logo Jesus é obrigado a cair em uma abertura completa com suas pernas, feita de frente com seu inimigo, deixando sua perna esquerda na frente e sua perna direita atrás.(Com o pé esquerdo dele, firmado pelo calcanhar no chão, ele abre suas duas pernas na vertical ao máximo até encostar no chão.) Mas num rápido movimento, ele deixa espada do anticristo deslizar pela sua espada para seu lado esquerdo. A espada fica com sua ponta apoiada no chão, (Ele faz um anglo de quarenta cinco graus pra baixo com ela.) logo em seguida Cristo solta sua mão esquerda do cabo, se apóia no chão com ela e usa sua perna direita que está atrás para girá-la a 180 graus e acertá-la nas costelas do anticristo. O golpe sai somente com a mão esquerda apoiada no chão e as duas pernas no ar. Sendo que a direita está erguida e seu braço esticando-se para tirar a ponta da espada do chão, esse movimento é feito em milésimos de segundos, em seguida Jesus volta a posição de defesa. O anticristo, por sua vez fica um pouco atordoado, mas logo se vira em direção a Cristo lhe dando um golpe de espada que é aparado e os dois continuam a luta novamente.

Enquanto isso, Carlos ouve as passadas rápidas de Umpuruí que está prestes a acertar suas costas. Carlos se levanta rapidamente, mesmo ficando de costas para Umpuruí, consegue dar um salto mortal para trás por cima de Umpuruí e começando a cair atrás, deixando seu oponente vulnerável com as costas à frente dele que está no ar. Ele aproveita então para usar suas duas pernas juntas e acertá-las nas costas de Umpuruí, as levantando na vertical, fazendo um anglo de cento e quarenta graus com as costas retas para cima. Ainda por cima, aproveita as costas dele para dar um salto mortal para trás e cair a cinco metros de distancia dele, que é jogado a uma distância considerável de cerca de seis metros, nesse momento nossos outros guerreiros conseguem sobressair sobre as réplicas de sombras. Eles usam suas técnicas em artes marciais para atacarem as réplicas de sombra e fazem elas ficarem próximas uma das outras, as seis réplicas ficam em forma de círculo, com uma delas no meio. Nossos heróis logo fazem uma ação em conjunto, saem correndo juntos e acertam voadoras nas cinco réplicas, fazendo-as irem em direção a que está no meio e se juntarem formando só uma. Marcelo então chega dando uma voadora nas costas da ultima réplica, que é arremessada em direção de Umpuruí que está se levantando. Que por sua vez, tem de volta última réplica de sombra que faltava e que se une ao seu corpo. Carlos vê Umpuruí levantado e atordoado, sai correndo em sua direção lhe dá sete garradas com o braço, que lhe são distribuídas no rosto e no peito. Faz três chutes aéreos verticais de frente, terminado com o terceiro lhe dando uma giratória com a perna direita na horizontal, fazendo 360º graus. Cai em pé no chão e antes do seu oponente cair, ele faz um movimento rápido, lhe passando uma rasteira com a perna esquerda girando de costas a 360º graus. (A famosa rasteira baiana.) E depois dessa rasteira, Carlos aproveita que seu oponente está girando no ar como uma estrela e no segundo giro que Umpuruí faz no ar. Carlos termina apoiando seu pé direito no chão, gira de costas deixando sua perna esquerda dobrada e erguida na altura da sua cintura, dá um pequeno pulo. Define jogando um giro de frente de 360º graus, usando a perna direita, num pulo alto e rápido o suficiente para acertar no rosto de seu oponente. (O famoso martelo rodado da capoeira.) Umpuruí, por sua vez sai voando dando parafuso,(Como se você visse as solas dos pés dele com ele girando feito parafuso.)cerca de sete metros com a pancada que levou, cai de bruços no chão desacordado e se transformado novamente em ser humano.Na batalha de Jesus e Ranfarad. Em um dos encontros das espadas, a espada de Jesus toma uma pancada muito forte e cai enfincando no chão a sete metros de distância dele. Ele então aponta a espada para o pescoço de Jesus que fica a sete centímetros de distância, logo ele diz:
- E agora Jesus. Quem ia acabar perdendo no final?
- Você.
- Ainda se atreve a falar isso mesmo sabendo que vai perder!?
- Enquanto lutava comigo andou acontecendo umas coisas.
- O quê!?
- Você que não sabe, mais o Marcelo agora, depois de ter lutado com as réplicas de sombra e as vencido foi direto para cabine de controle para impedir a contagem regressiva do míssil.
- Já esperava por isso, por isso preparei outra surpresa.
- O controle remoto que está no seu bolso, que só não usou antes porque se esqueceu e só agora se lembrou, um dos contratempos escritos no livro.
O anticristo tira de seu bolso então um controle e diz:
- Isso mesmo. Com isso aqui posso ativar o míssil sem contagem regressiva nenhuma, usei aquela cabine por que sabia que um dos seus guerreiros ia tentar, evitar que o míssil fosse lançado.

A grande jogada do diabo Cap.11-Part.2


Part.2

Jesus porém retruca:
- Você foi esperto, mas se esqueceu que cada golpe que dou em meu oponente é para libertá-los da maldade que está em seus corações. Pode ter certeza que os seus soldados que acertei enquanto estive na floresta, agora estão do lado do bem, isso vale também para os que foram acertados pelos guerreiros que estão do meu lado. Nenhum deles morreu, por causa do traje de combate que eles estavam, as motos que explodiram com os tiros de Nayra, só serviram para jogá-los longe e caírem inconscientes no chão, não matamos nenhum deles. E as naves que você trouxe para os outros soldados que me perseguiam, você acabou lhes fazendo o bem, como eu tinha escrito no livro. Pois você programou as naves para teletransportarem seus tripulantes no caso acontecesse um impacto, numa hora dessas, eles devem estar numa floresta se virando sozinhos depois de terem sido transportados pra ela e refletindo que o melhor caminho é do bem. Se você queria que eu matasse para aumentar meu lado mau, saiba que fracassou. Meu lado mal acabou sendo até bom pra mim, pois nas horas que eu necessitava de usar de violência porque não tinha outra escolha, sempre libertava aqueles a quem atacava com golpes de artes marciais.
- Te odeio mais ainda por ter escrito no livro que na hora do lançamento do míssil iríamos ter inconvenientes e contratempos para soltá-lo! Mas saiba que ele agora está pronto para ser lançado dentro de seis minutos e você não irá impede-lo e muito menos seu amigo cabeça de vaso sanitário.
- Você é mesmo um tolo, pois sabe que essa guerra no final das contas tu irá perder, mesmo que consiga botar muitos contra mim e fazer lhe parecer que irá ganhar, será derrotado. Pois o mal não compensa e não lhe trará felicidade verdadeira. Só pra tu vê, era pra você solta esse míssil a muito tempo, mas ele só será lançado daqui seis minutos, tempo suficiente pra impedirmos isso
- Você quem pensa, você não vai conseguir se livrar dessa e você é um idiota em pensar que o mal não compensa. Não sabe como é bom se vingar daqueles que se guarda rancor, a satisfação que dá na gente. E ainda mais quando você manipula um monte de idiotas pra lhe dar poder, os próprios cristãos, islâmicos e judeus estúpidos não sabiam que tinham a minha marca na testa e nas mãos. Esses três povos faziam guerras e estavam sempre em confronto, eram manipulados por mim. Os babacas não sabem que o meu plano é fazer que eles continuem fazendo guerras e conflitos entre si e os outros, eles pensam que foram alertados sobre que eu viria pra fazer acordos de paz entre as nações, por terem sido alertados por isso, repugnaram a sua tentativa de paz e o mataram. E estão começando a repugnar qualquer tentativa de paz que você tentar fazer de novo entre os povos e pensaram que você é o anticristo novamente. São todos uns porcos estúpidos que comem na minha mão! E mesmo que você tenha lhes avisado disso, ninguém lhes deu ouvidos, pois esses três povos estão na mão do dragão vermelho, da pantera negra a da ovelha negra. É isso que eu quero, um monte de bananas aumentando o ego se achando os únicos a direito de salvação, nem parece que leram o versículo dizendo, que os primeiros seriam os últimos e os últimos seriam os primeiros! Eu sou mesmo de mais, ninguém poderia bolar um plano tão maléfico como o meu!

- Ranfarad, você é muito inteligente, pena que usa sua esperteza para fins maléficos. Ainda me lembro quando manipulou a mente dos compositores daquela banda Rouge brasileira, a cantar a aquela música que eu mais odiava na época doida que eu era metaleiro de carteirinha. Ao invés de botar mensagens subliminares, botou um dos seus nomes, Diego. Foi a única música que eu considerei inaudível naquela banda, o resto até que ia. A música em si só não lhe arrebatou mais almas pro inferno, porque maioria das pessoas que ouviam ela, sempre se esqueciam de falar a letra toda e muitos dos ouvintes, não se influenciavam com a música e tinham espíritos fortes demais pra serem corrompidos. O problema que acabou fazendo aumentar os protestantes fanáticos coisa que era seu principal objetivo. Outra coisa que me disse sobre vingança, sou obrigado a concordar com você que infelizmente pra muitos o desejo de vingança trás satisfação. Mas não é melhor coisa a se fazer, esses três povos corrompidos por sua maldade não enxergam a verdade, foi uma grande jogada sua, fico espantado com você filho do mal, mas você se esqueceu que esses três povos são os que mais tem fé sega. Confiam no Pai que ainda serão salvos e serão, sairão desse inferno que você os deixou durante séculos. E você vai voltar para o inferno e vai ficar sofrendo e chorando igual bebezinhos até se tocar que o mal não é o melhor caminho.
- Seu idiota, você pode ter conseguido mostrar a verdade para muitos católicos, mas depois que a Igreja começou a revelar parte de seus segredos, você só a fez perder mais fieis para o islamismo, judaísmo e principalmente para o protestantismo. Não irá demorar muito tempo para o catolicismo ser extinto. São perseguidos como cães pelo seus opositores, começará de novo a era das trevas e tudo por culpa da criação do Pai, ele é um grande imbecil. Fez os homens que só lhe dão desgosto, fez a idiotice de querer criar e suas criaturas que se voltaram contra ele! – diz ele com ódio.
- Ranfarad. Isso tudo que está acontecendo com o catolicismo, é um teste de fé para os cristãos verdadeiros, que tanto foram criticados pelos protestantes. Justo eles que na maioria são cristãos não praticantes, são aqueles que tem mais fé de todos esses povos, os que permanecerem cristãos renovados, serão salvos por Deus. E a única chance dos judeus, islâmicos e protestantes serem salvos é confiar no pai e aceitarem as novas revelações e darem um basta de vez nessas guerras estúpidas que fazem.
- Eles não te ouviram antes, agora irão sofrer nas minhas mãos, são fantoches que eu posso fazer com eles o que bem entender.
- Eles são fantoches seus que confiam muito no nosso pai, mesmo que nem sempre lhes de ouvidos. Serão salvos, pois é desejo do pai celestial. Você saiba que já começou a guerra que irá perder, renuncie ao lado do mal e vamos fazer um mundo melhor juntos.
- Não! Não me fale isso seu verme! Odeio ter o mesmo sangue seu e ser um pouco de você e irei destruí-lo!
- Eu o amo muito e não irei desistir enquanto não conseguir você para o lado do bem.
- Cale a boca! Cale a boca! Eu irei ganhar essa guerra! Rárararararararaararrrrrrrrrr! Uarrrrrrrrrarrárrarraaaarrrrrr!
- Você ainda insiste nessa idéia tola, mas saiba que ainda estará do meu lado um dia.

A grande jogada do diabo Cap.11-Part.1


Part.1

Nossos heróis estão prestes a entrar num salão gigantesco, em que se vê um míssil de vinte e cinco metros de altura e quatro de largura, bem no centro do salão, apontado para cima, para sair por uma abertura que tem no teto do templo. E uma cabine de controle instalada num canto do lado direito e um avião de porte médio, bimotor colocado no canto esquerdo do salão, ambos nos fundos do templo. Para piorar para os nossos heróis, cerca de sessenta soldados estão no salão preparados com armas de destruição tão forte quanto as que Nayra tem. Mas Jesus que não é bobo e já esperava por isso, logo que entra no salão bem a frente dos nossos heróis, antes deles entrarem. Faz uma bola de luz aparecer na sua mão e se transformar no seu cajado. Ele dá um salto mortal para trás numa altura de três metros e sete de distância, antes de cair no chão, ele joga seu cajado no centro do salão. Seu cajado cai enfincando no chão e espalhando uma esfera de luz que cresce em questão de milésimos de segundo, mais rápido que o pensamento dos soldados, pegando a todos e deixando-os inconscientes no chão. A esfera de energia luminosa logo se discipa no ar. A motovoadora de Jesus explode quando chega perto de um homem de preto e de cabelo grande amarrado, quando ela está a dois metros dele, uma esfera de fogo o cobre e acerta a motovoadora que explode. Nossos heróis estacionam suas motovoadoras no chão e eles vêem em suas frentes um homem vestido de roupas pretas, inclusive o velho sobretudo preto, virado de costas, com um cabelo grande e amarrado fazendo um rabo de cavalo que lhe passa os ombros. (com tamanho de sessenta seis centímetros e seis milímetros.) Ele está com as mãos cruzadas, uma segurando a outra e dando risadas, ao seu lado está um outro homem olhando para nossos heróis, é o irmão gêmeo de Muapi, que está vivo e com roupas de “motoqueiro do mau”. Colete preto aberto mostrando o abdome e os braços nus, calça jeans por cima de botas de couro de jacaré, olhando com cara de cínico rindo da cara de nossos heróis e batendo a mão direita no peito com todos dedos fechados deixando apenas o dedo do meio da mão erguido, é Umpuruí, todos olham espantados, menos Jesus. Muapi exclama:
- É Umpuruí! Está vivo!

Carlos então diz:
- Mas como pode! Pensei ter matado-o!
Logo Umpurúi diz:
- Um homem quando quer vingança é capaz de tudo, até de vender sua alma. Agora não pode matar quem tem uma entidade diabólica pra ajudar. Aquele dia que me levaram pro hospital afim de me fazerem uma autopsia. Logo me levantei me transformado na temível fera que sou. E matei mais 30 só pra sair daquele hospital, nas minhas veias correm o sangue de imortal depois que me deixei tomar por uma entidade maligna.
O homem de preto se vira de frente para nossos heróis, mostrando um cavanhaque fechado, de óculos escuros, lhes mostrando uma calça e sapatos sociais, com uma camisa baby lukc por dentro de cor preta, seu rosto se parece com de Jesus, tira os óculos e o guarda no sobretudo, começa a rir e diz:
- Ressuscitei ele com minha força, mas ele está ligado a mim por um pacto até que seja destruído novamente. Mas muito esperto Rávew. (Ele o chama assim, porque sabe que Rávew prefere ser chamado de Jesus.) – diz ele coçando seu cavanhaque. – Você é mesmo um desgraçado heim, mas nem tanto assim. Botei aqueles soldados idiotas das naves e das motovoadoras para te fazerem despertar o mal, pois sabia que naquelas horas você não teria outra alternativa a não ser de usar de violência contra eles. Você acabou aumentando um pouco mais da porcentagem de maldade em sua alma seu idiota. Essa você não escapou.

O começo d uma guerra Destrutiva Cap.10-Part.3


Part.3

Então Jesus aterrissa com a nave no meio das árvores da floresta, a nave sai se arrastando cerca de duzentos metros em doze segundos. (Felizmente nenhum animal se fere.) Todos então saem da nave, Carlos então diz:
- Uma nave com toda tecnologia do universo e nós nem saímos da floresta amazônica. – diz ele irritado.
Muapi então fala:
- Não estamos na floresta amazônica, ela não tem esse tipo de árvores.
Marcelo então fala:
- Devemos estar numa reserva natural do México, já estive aqui uma vez e conheço essas árvores.
Carlos fala:
- O quê!? Estou mais por fora do que tudo aqui. E onde está o Danrrou que é o único que não vi com a gente.
Jesus tira os óculos e responde:
- Ficou na base.
Marcelo pergunta:
- E como iremos achar uma base que nem temos idéia de onde está?
Jesus fala novamente:
- Até me parece que você não me conhece, é claro que ela está por aqui, eu pressinto isso. Vamos andando gente, pois temos muitos a percorrer ainda.
Nayra se equipa com armas de alta tecnologia e com um macacão branco colado(Apertado.) no corpo e que o cobre todo, também com um capuz nas costas. Coloca também uns óculos vermelho que cobre das sobrancelhas ao nariz e que estão firmados num material de forma circular que cobre os ouvidos, ligados numa prensa que cobre a nuca inteira, que lhe mais se parece com uns óculos virtuais de videogames de ultima geração.( Alguém já viu o anime Fantasma do futuro?) Fica parecendo uma piloto de corrida, só que com um macacão com uma fina armadura por cima. Braceletes, cotuveleiras, caneleiras, joelheiras e proteção que cobre das costelas aos ombros, praticamente o peito todo. (Só imaginar algo parecido com a roupa da Nina do Tekken, isso vale pros fãs do jogo como eu.) Carlos comenta:
- Hummm... Você ficou sexi com esse macacão coladinho no corpo.
Nayra responde:
- É feito de uma liga de metal leve e mais resistente que uma chapa de titânio de dez centímetros.

Nayra pega duas armas parecidas com submetralhadoras tipo Uzi e as coloca nas costas. Os nossos oito guerreiros então começam uma jornada em busca do templo perdido, Jesus pergunta a todos animais da selva se viram alguma coisa suspeita pela floresta, todos animais vão indicando uma movimentação de homens estranhos num templo asteca. Nossos guerreiros continuam andando pela floresta. Subindo no topo de uma montanha, Jesus vê o templo e fala:
- Está ali! – diz ele apontando o dedo para o templo.
Todos então, já chegam até o pico da montanha, lá de cima eles vêem um enorme templo, com altura de um prédio de seis andares. Uma pirâmide asteca com quinhentos metros de distância de cada lado, no templo havia muitas ruínas de antigas casas em volta, era uma cidade inteira que virou antiguidade. Em volta das ruínas, uma muralha de nove metros cobrindo toda cidade em que se tinha uma grande entrada no meio. Para chegarem no templo, nossos heróis terão de passar pela entrada, nela estarão numa avenida feita de pedras que fica no meio da cidade, que os levam para entrada do templo. Na entrada do templo, havia duas estátuas de animais, uma de cada lado dela. De longe, nossos heróis não vêem movimento nenhum, Jesus então diz:
- Eles estão lá, prescindo isso... Vamos. – diz ele.
Nossos heróis descem para planície em que está a pirâmide, todos estão embrenhando na floresta e andando tranqüilamente por ela, até que Marcelo e os Guatinchara entram em posição de ataque e se transformam na sua verdadeira natureza, na forma de quintára, Marcelo no lobisomem de três metros e Nayra fica em prontidão, Carlos faz o mesmo e pergunta:
- Por que estão tão atentos agora?
Nanrrarábi responde:
- Tem algo se aproximando.
Jesus olha para os lados, também numa base de prontidão, quando olha para frente, grita:
- Eles estão ali!

De repente! (Adoro começá um momemto desses escrevendo isso.) Se vê saindo do meio das árvores treze motos voadoras, sendo pilotadas por soldados com trajes de combate completo, de cor preta igual ao das motovoadoras, a três metros acima do chão, atirando em direção dos nossos heróis com metralhadoras aclopadas, uma de cada lado e de alta destruição. Ninguém fica parado, todos tratam de correr rapidamente para os lados e procuram um lugar para se esconderem. No momento que Nayra já corre para os lados procurando um lugar para se esconder, já aponta suas armas para a primeira motovoadora que vê na frente. Quando aperta o gatilho, sai de suas armas, balas de alumínio com uma energia azul em volta, na velocidade da luz, a bala de alumínio deixa um rastro de partículas que parecem uma fumaça que os aviões acrobáticos deixam para trás, acerta com precisão na moto voadora.(Arma do filme “Queima de arquivo” no meu estilo.) Menos um problema para os nossos heróis, a motovoadora explode no ar, arremessando longe seu piloto que bate de costas numa árvore e cai no chão. E sua carcaça sai voando em direção a uma árvore. Carlos e os Guatincharas estão correndo um para cada canto da floresta, enquanto são perseguidos pelas motosvoadoras, cada uma está perseguindo um dos nossos heróis. Enquanto isso Jesus é perseguido por 5 motovoadoras, ele então pensa rapidamente numa estratégia de luta eficaz para derrubar seus inimigos. Enquanto ele corre numa velocidade sobre-humana de cem quilômetros por hora e quase sendo alcançado, é perseguido pelos seus inimigos que estão num formato de losango disforme. (Pra quem não sabe, é só imaginar um triângulo mirando para cima e outro do mesmo formato em baixo.) E na liderança deles, está mais um voando um metro abaixo dos outros,(Que estão cerca de dois metros do chão.) só que preparando para saltar de seu veículo um míssil teleguiado em Jesus e na ponta de trás o ultimo está um pouco mais para o lado esquerdo para não acertar os seus companheiros com tiros de metralhadora. Cada um está numa distância de três a sete metros um dos outros, Jesus não vê outra saída a não ser usar uma árvore de vinte metros que está na sua frente.
Quando ele chega perto da árvore, dá cinco passos verticalmente nela, subindo cerca de sete metros do chão. Justo no quinto passo é o momento que o míssil teleguiado sai da motovoadora, nisso Jesus já usa os dois pés que ainda estão na árvore para jogar uma impulsão forte e dar um pulo de dez metros de distância no momento exato que o míssil colide na árvore, causando uma explosão de um raio de três metros. Ele dá um vôo de costas como se tivesse deitado no ar passando por cima dos seus inimigos numa altura de dois metros sobre suas cabeças, cai virando um salto mortal para trás cerca de cinco metros de distância a mais. Seus inimigos se desviam da explosão, eles então passam pela árvore que cai em linha reta atrás deles.(Quando eles desviam da explosão, a árvore cai em linha reta na frente de Cristo.) Logo eles param numa distância de sete metros da árvore destruída e logo eles se viram para a direção de Cristo, eles ainda continuam na mesma formação de combate que estavam antes. Só que dessa vez o líder está atrás, eles vem com tudo para cima de Cristo, atirando novamente. Cristo então aproveita outras duas árvores que estão perto e as usam a seu favor, primeiro dá um pulo de uma altura de dois metros ficando quase que em pé no ar, chegando a uma distância de três metros que está a árvore que fica a sua direita.

Em seguida ele apóia o pé direito na árvore, dá mais outro pulo enquanto a árvore é esburacada por balas de metralhadora, pula uma distância de três metros para seu lado esquerdo. Chegando perto da árvore, manda o seu pé esquerdo e usa para dar uma impulsão que o joga uma distancia de três metros, o suficiente para chegar perto do primeiro soldado da motovoadora, que está a sete metros, num anglo de 30° e lhe acertar uma voadora com o pé direito na cabeça(Nuca.), logo esse já é derrubado e cai inconsciente de costas no chão. Cristo aproveita a impulsão que tirou do capacete de seu oponente acertado e usa para dar outro pulo e acertar com outra voadora(Fazendo uma diagonal para esquerda de 45°graus.) preparando o pé esquerdo para cabeça(Nuca.) do oponente a três metros. Que está do mesmo lado em que ele irá usar sua perna. Logo ele o acerta e usa novamente uma cabeça(Nuca.) para jogar outro salto para acertar a cabeça de outro oponente do lado direito. Saltando uma distância de cinco metros, num anglo de 50°(Cinqüenta graus.) e usando a perna direita, enquanto o já golpeado cai no chão. Dois dos anteriores já foram derrubados, então Cristo faz com o outro, que está ao lado direito o mesmo que fez com os outros dois que derrubou, depois dele cair com o golpe recebido, Cristo já está indo para cima do penúltimo oponente saltando uma distância de três metros, num anglo de 65°graus. Indo para acertar mais uma voadora. Faz mas outra manobra especial de combate, lhe acertando uma voadora com o pé esquerdo atrás da cabeça, lhe pegando diagonalmente na cabeça, esse cai no chão num anglo de dez graus passando por um tempo na frente da moto até cair no chão. Faltando apenas mais um, Cristo aproveita a impulsão de seu pé esquerdo para dar um vôo de quatro metros em direção do ultimo, chegando mais próximo do ultimo oponente, usa seu pé direito para lhe dar um chute giratório de frente, na horizontal, fazendo um giro de 360º, lhe acertando a cabeça, que por sua vez, esse já cai lateralmente e inconsciente no chão, depois de uma série de movimentos feitos em questão de um segundo e meio, depois que a árvore foi destruída(A que caiu.), Jesus já está caindo em pé no chão novamente.(Ele derruba os cinco oponentes dando uma voadora de cinco chutes no ar, pronto!)

Enquanto isso Nanrrarábi e seu irmão Mirambú estão correndo de outros dois inimigos que não estão muito atrás, os dois pensam numa estratégia de combate rápida, eles vêem em suas frentes duas árvores. Os dois calculam o tempo certo e começam a andar nas árvores verticalmente, e ao mesmo tempo eles pulam virando um salto mortal pra trás voando vinte metros. E quando chegam perto dos seus oponentes, ao mesmo tempo os dois esticam suas pernas acertando-as no peito dos dois soldados. Quando menos se espera os oponentes estão caídos inconscientes no chão, depois de tomarem um golpe no peito, vindos como voadoras dos nossos dois heróis. Em seguida os dois guerreiros aproveitam que os seus oponentes estão fora das motovoadoras, já caem no lugar dos pilotos e tomam controle delas e se desviam das árvores que estavam prestes a bater. Mirambú comenta com Nanrrarábi:
- Essas motos estão muito pequenas para nós.
- É mesmo, vamos virar humanos de novo.
- Não, eu prefiro ficar no estilo tandercat.
- É... É melhor assim mesmo.
E os dois se transformam na forma rentára e continuam o seu caminho. E enquanto isso, Carlos passava por apuros para se livrar de outro soldado. Corria e pulava de árvore em árvore para evitar as balas, foi quando Nayra escondida acertou um tiro eficiente na motovoadora. Que em seguida se explode e arremessa o soldado que cai numa poça de lama. Mais um está fora, Carlos olha para os lados não vê Nayra, ele pergunta:
- Onde você está?
- Estou aqui!
- Não estou te vendo. – diz Carlos olhando para os lados sem ver Nayra.
Então Nayra aparece na frente de seus olhos, Carlos vê do nada o corpo dela começando a se formar, ela então fala:
- Me vê agora, é que eu estava usando a camuflagem ótica, com ela eu fico invisível.
- Agora tá entendido.
Logo nossos heróis estão quase juntos de novo depois de despistarem os soldados, só faltam Mirambú e Nanrrarábi. Os outros guerreiros guatinchara(Menos Carlos), Marcelo e Jesus pulam todos em cima das árvores. Logo Cristo diz:
- Se escondam! Eles estão vindo, Carlos, suba em alguma árvore e espere eles virem pra tomarmos suas motovoadoras!

Nayra então se camufla novamente e Carlos tenta se esconder, mas acaba sendo mais prático, quando já vê um dos soldados vindo na motovoadora. Saindo pela esquerda das arvores, logo aproveita que está perto dele, dá um salto de frente com a motovoadora. Cai em cima do guidom e dá um empurrão no soldado com a garra direita o jogando lateralmente pro chão. Logo Carlos que toma o controle da motovoadora, já vem o resto dos heróis pulando das árvores e pegando os outros soldados que vinham, arremessando-os de suas motovoadoras, até que todos pegam o controle dos veículos. Em seguida nossos outros dois guerreiros Nanrrarábi e Miranbú se encontram com o resto dos nossos heróis, logo todos estão juntos de novo e estacionam seus veículos no chão. E os nossos heróis metamorfos que ainda não se transformaram numa forma mais adequada para caberem na moto logo fazem isso e ficam na forma de rentára. (O Marcelo faz o mesmo também, fica do mesmo jeito, só que do tipo pele de lobo, um glabro como conhecem os jogadores de lobisomem.) Só sobra Nayra que ficou sem sua motovoadora, Carlos então fala pra Nayra:
- Qué uma carona gata?
- Claro que quero.
- Então sobe aí! – diz ele alegre.
Nossos heróis estão agora todos bem acomodados e indo em direção do templo alvo, não demoram muito, já passam pela floresta e estão quase entrando no templo. Até que eles vem dois soldados do lado de fora, conversando, até que eles percebem e avisam para os outros que estão lá dentro do templo por meio de seus comunicadores. (Aqueles com antenas que colocam na cabeça, pra ficá mais interessante.) Já estão levando chutes na cabeça de Marcelo e Rânara que fazem isso em cima das motovoadoras. Nossos heróis entram no templo, pela entrada que tem cerca de vinte cinco metros de largura, entrando com as motovoadoras no templo dentro de um corredor de cinquenta metros de distância.

Pesquisar este blog

Milton: O Jesus d Preto

Milton: O Jesus d Preto
Isso é porque muita gente me chama d Jesus, mas sou só o Milton mesmo porque Jesus é todo mundo.

Deseja fazer um Pacto com OGGU?

O q você acredita q vem depois da morte?

Você a favor da legalização das drogas?

Qual sistema d governo você acha ideal pra o mundo?

Todo poder Executivo e Legislativo devia viver num regime comunista ou socialista?

Daily Calendar

Capa do meu livro

Capa do meu livro
Essa foto é do meu amigo Alberto q fez esse blog pra mim e me ensinou a mexer nele.

Your IP and Google Map location